Exportar registro bibliográfico

Utilização de sensores de dossel para adubação nitrogenada no algodoeiro (2016)

  • Authors:
  • Autor USP: VILANOVA JUNIOR, NATANAEL DE SANTANA - ESALQ
  • Unidade: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LEB
  • Subjects: AGRICULTURA DE PRECISÃO; ALGODÃO; DOSSEL (BOTÂNICA); FERTILIZANTES NITROGENADOS; SENSORES ÓPTICOS; SONAR
  • Language: Português
  • Abstract: A maioria dos solos tropicais e subtropicais apresenta disponibilidade insuficiente de nitrogênio (N) para atender a demanda da cultura do algodão visando à obtenção de elevados rendimentos. O N nas plantas pode ser avaliado através da utilização de sensores de espectrometria óptica ativa, nos quais se destaca o equipamento comercial utilizado neste trabalho (N-SensorTM ALS), capaz de determinar a dose de N a ser aplicada em cobertura em tempo real. O objetivo geral deste trabalho foi avaliar o desempenho de um sensor óptico ativo, sonares e clorofilômetro para predizer parâmetros de planta e testar estratégias de adubação nitrogenada baseada nas leituras do sensor óptico para aumento da produtividade do algodoeiro em sistemas de cultivo adensado e convencional. Os experimentos foram realizados durante três anos sendo: a) em Chapadão do Céu, GO nas safras 2012/13 e 2013/14; b) e em Campo Verde, MT na safra 2014/15. Os parâmetros de planta avaliados foram: altura, massa seca, massa fresca e nitrogênio acumulado na biomassa. Estes parâmetros foram analisados nas áreas correspondentes à adubação em taxa fixa e correlacionados com o índice de vegetação gerado pelos sensores. Os resultados demonstraram que o sensor ativo de dossel utilizado é altamente eficiente em estimar altura de planta, massa fresca, massa seca e nitrogênio acumulado na cultura do algodoeiro. A utilização de clorofilômetro para monitorar o teor de N foliar no algodoeiro não demonstrou ser uma técnicaeficiente. O uso de sensor ultrassônico (sonar) para estimar parâmetros de altura de planta, massa seca, massa fresca e nitrogênio acumulado na planta do algodoeiro é uma estratégia promissora que, embora não tenha a mesma eficiência de sensores de dossel, demonstrou bons resultados na detecção da variabilidade nas lavouras. As diferentes estratégias de adubação nitrogenada no algodoeiro orientadas pelo sensor ativo de dossel não resultaram em efeitos claros na produtividade. A produtividade de cada tratamento mostrou-se mais dependente da localização das repetições dentro da área do que da estratégia de adubação adotada
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.06.2016
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      VILANOVA JUNIOR, Natanael de Santana; MOLIN, Jose Paulo. Utilização de sensores de dossel para adubação nitrogenada no algodoeiro. 2016.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11152/tde-28092016-132600/ >.
    • APA

      Vilanova Junior, N. de S., & Molin, J. P. (2016). Utilização de sensores de dossel para adubação nitrogenada no algodoeiro. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11152/tde-28092016-132600/
    • NLM

      Vilanova Junior N de S, Molin JP. Utilização de sensores de dossel para adubação nitrogenada no algodoeiro [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11152/tde-28092016-132600/
    • Vancouver

      Vilanova Junior N de S, Molin JP. Utilização de sensores de dossel para adubação nitrogenada no algodoeiro [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11152/tde-28092016-132600/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021