Exportar registro bibliográfico

As redes técnicas sanitárias na estruturação do território: análise da cidade de Maringa-PR entre 1947-1980 (2016)

  • Authors:
  • Autor USP: BARBOSA, LEONARDO CASSIMIRO - IAU
  • Unidade: IAU
  • Subjects: ABASTECIMENTO DE ÁGUA; ESGOTOS SANITÁRIOS; INFRAESTRUTURA URBANA; URBANIZAÇÃO
  • Keywords: drainage system; drenagem pluvial; esgotamento sanitário; sewerage; urban infrastructure; urbanization; water supply
  • Language: Português
  • Abstract: A cidade de Maringá, implantada ex novo, surge com status de cidade moderna em razão do seu plano urbanístico, que apresenta ressonâncias do ideário garden city, do zoning, do movimento city beautiful e do pensamento higienista. Contudo, as redes técnicas, elementos característicos da cidade moderna, demoraram a se estabelecer, pois a CTNP/CMNP, agente privado responsável pelo plano de colonização no qual a cidade se insere, não tinha as infraestruturas urbanas como prioridade nas cidades que implantara. Entendendo a cidade por meio da interação entre tecnologia e sociedade, propõe-se a análise da cidade de Maringá por meio da inter-relação das redes técnicas sanitárias com o desenvolvimento e crescimento urbano. As principais fontes documentais advieram da análise de notícias veiculadas em jornais da época e de projetos dos sistemas sanitários, que permitiram identificar algumas fases na administração dos serviços de saneamentos, e que guiaram a discussão do estudo, sendo estas: a fase de poços e fossas, marcada pelas ações individuais e pela ação da iniciativa privada na exploração do abastecimento de água; a fase das redes municipais, quando o município se apresenta como novo ator hegemônico no controle dos serviços sanitários; e a fase de administração dos sistemas pela concessionária estadual, transição ocorrida em 1980, ano que marca o encerramento da pesquisa por entender que, neste momento, a lógica de implantação das infraestruturas sanitárias já se encontravaestabelecida. Os resultados apontam para a capacidade de as redes técnicas sanitárias materializar no território relações de desigualdade de oportunidades, acesso e distribuição de riquezas que, no caso de Maringá, contribuíram para a criação de uma dicotomia entre a área planejada e a área pós-plano
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 15.03.2016
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BARBOSA, Leonardo Cassimiro; ANDRADE, Carlos Roberto Monteiro de. As redes técnicas sanitárias na estruturação do território: análise da cidade de Maringa-PR entre 1947-1980. 2016.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/102/102132/tde-13102016-100429/ >.
    • APA

      Barbosa, L. C., & Andrade, C. R. M. de. (2016). As redes técnicas sanitárias na estruturação do território: análise da cidade de Maringa-PR entre 1947-1980. Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/102/102132/tde-13102016-100429/
    • NLM

      Barbosa LC, Andrade CRM de. As redes técnicas sanitárias na estruturação do território: análise da cidade de Maringa-PR entre 1947-1980 [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/102/102132/tde-13102016-100429/
    • Vancouver

      Barbosa LC, Andrade CRM de. As redes técnicas sanitárias na estruturação do território: análise da cidade de Maringa-PR entre 1947-1980 [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/102/102132/tde-13102016-100429/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021