Exportar registro bibliográfico

Da variabilidade morfológica à diversidade taxonômica em Proboscoida (Cnidaria, Hydrozoa): inferências filogenéticas e morfométricas para a delimitação de linhagens (2016)

  • Authors:
  • Autor USP: CUNHA, AMANDA FERREIRA E - IB
  • Unidade: IB
  • Sigla do Departamento: BIZ
  • Subjects: ZOOLOGIA (CLASSIFICAÇÃO); MORFOLOGIA ANIMAL; COELENTERATA; FILOGENIA; MORFOMETRIA
  • Keywords: Campanulariidae; Campanulariidae; Molecular; Molecular; Morphometrics; Variação; Variation
  • Language: Português
  • Abstract: A variabilidade morfológica é comum em vários táxons marinhos, e os membros de Cnidaria Medusozoa se destacam por expressar a variabilidade em diferentes níveis, especialmente considerando as diferentes fases do ciclo de vida. Entretanto, muitos problemas taxonômicos surgem a partir das dificuldades em interpretar os níveis de variação, já que variações intraespecíficas muitas vezes são interpretadas de forma imprecisa como interespecíficas, e vice-versa. Neste estudo, revisamos os padrões de variação morfológica em Cnidaria Medusozoa, avaliando sua influência na taxonomia e diversidade do grupo. Seguindo essa abordagem, investigamos as relações filogenéticas da subordem Proboscoida, testando a relevância dos caracteres morfológicos diagnósticos tradicionais para a delimitação de linhagens em vários níveis taxonômicos. Além disso, avaliamos os seus padrões de variação morfológica, contrastando dados morfométricos e filogenéticos. Ficou claro que a variação intraespecífica em Medusozoa está frequentemente correlacionada com a variação interespecífica, e existe sobreposição entre os diferentes níveis. Igualmente, mostramos que a diversidade de espécies em Medusozoa está imprecisamente estimada, e existe ainda um grande potencial para a descoberta de espécies crípticas em Hydrozoa. Isso foi comprovado em Proboscoida, já que seus padrões filogenéticos mostraram que vários grupos não são monofiléticos, incluindo a família Clytiidae, os gêneros Campanularia, Clytia, Obelia eLaomedea, e as espécies Orthopyxis integra, Clytia gracilis e Obelia dichotoma. Da mesma forma, vários caracteres diagnósticos tradicionais resultaram não informativos para a delimitação de espécies e gêneros. Por outro lado, encontramos padrões morfométricos consistentes entre caracteres investigados em diferentes níveis de comparação. Dentre eles, tamanho e forma da hidroteca, espessura do perissarco, assim como número e altura das cúspides da hidroteca corroboraram a delimitação de várias linhagens. Nosso estudo demonstrou a importância das análises que combinam dados morfométricos e filogenéticos, especialmente quando a amplitude de variação dos caracteres morfológicos é detalhadamente comparada e investigada. Estudos em Hydrozoa, assim como Medusozoa e outros táxons marinhos se beneficiarão dessa abordagem, estabelecendo espécies válidas bem fundamentadas, e aprimorando nossas estimativas sobre a diversidade de espécies no ambiente marinho
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.04.2016
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CUNHA, Amanda Ferreira e; MARQUES, Antonio Carlos. Da variabilidade morfológica à diversidade taxonômica em Proboscoida (Cnidaria, Hydrozoa): inferências filogenéticas e morfométricas para a delimitação de linhagens. 2016.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/41/41133/tde-26082016-170405/ >.
    • APA

      Cunha, A. F. e, & Marques, A. C. (2016). Da variabilidade morfológica à diversidade taxonômica em Proboscoida (Cnidaria, Hydrozoa): inferências filogenéticas e morfométricas para a delimitação de linhagens. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/41/41133/tde-26082016-170405/
    • NLM

      Cunha AF e, Marques AC. Da variabilidade morfológica à diversidade taxonômica em Proboscoida (Cnidaria, Hydrozoa): inferências filogenéticas e morfométricas para a delimitação de linhagens [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/41/41133/tde-26082016-170405/
    • Vancouver

      Cunha AF e, Marques AC. Da variabilidade morfológica à diversidade taxonômica em Proboscoida (Cnidaria, Hydrozoa): inferências filogenéticas e morfométricas para a delimitação de linhagens [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/41/41133/tde-26082016-170405/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021