Exportar registro bibliográfico

Mobilidade e acessibilidade de instituição hospitalar: avaliação de parâmetros arquitetônicos, segundo pacientes idosos e funcionários (2016)

  • Authors:
  • Autor USP: KATO, MAYLA YOUKO - FAU
  • Unidade: FAU
  • Sigla do Departamento: AUT
  • Subjects: IDOSOS; ACESSIBILIDADE AO MEIO FÍSICO; CONFORTO AMBIENTAL
  • Keywords: MOBILIDADE
  • Language: Português
  • Abstract: As transições demográfica e epidemiológica implicam em importantes desafios para o Brasil, principalmente para os sistemas previdenciário e de saúde, destacando-se o aumento desproporcional das faixas etárias mais elevadas e da prevalência das doenças crônicas, o maior número de indivíduos com alta dependência e mais gastos com saúde. Assim, esta pesquisa teve como objetivo avaliar parâmetros de acessibilidade e de mobilidade que tragam maior desempenho ao edifício hospitalar, tanto nas áreas internas, como no entorno imediato, com enfoque na população idosa, tendo como base as normas e regulamentações brasileiras. Tratou-se de um estudo descritivo e exploratório de abordagem quantitativa, realizado em um hospital filantrópico do município de São Paulo. Para identificar os parâmetros de acessibilidade e de mobilidade do ambiente hospitalar, optou-se por incluir pacientes idosos e profissionais do hospital, totalizando 60 idosos e 42 funcionários entrevistados. O erro amostral utilizado foi de 10% e o nível de confiança, 90%. O instrumento de coleta de dados continha questões sociodemográficas para caracterização do perfil dos participantes e perguntas relacionadas à acessibilidade e à mobilidade do hospital. Os dados foram analisados por meio de estatística descritiva, em frequência, medidas de posição e de dispersão e apresentados em tabelas e gráficos. O estudo foi conduzido de acordo com todas as exigências éticas da Resolução 466/12 do Conselho Nacional de Saúde e todos os participantes assinaram o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido. Dentre os pacientes entrevistados, 65% eram do sexo masculino, a faixa etária predominante foi de 71 a 80 anos. Já entre os funcionários, 62% eram do sexo feminino, com idade entre 26 e 45 anos. A maioria dos entrevistados idosos possuía ensino superior completo. (Continua)(Continuação) As taxas do efeito piso e efeito teto mostraram-se positivas, com resultados inferiores a 15. O grau de satisfação dos pacientes e funcionários em relação ao edifício de forma geral foi considerado positivo. O estudo indicou a importância da avaliação das condições de acessibilidade e de mobilidade hospitalar.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 19.05.2016
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      KATO, Mayla Youko; MÜLFARTH, Roberta Consentino Kronka. Mobilidade e acessibilidade de instituição hospitalar: avaliação de parâmetros arquitetônicos, segundo pacientes idosos e funcionários. 2016.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/16/16132/tde-16022017-125259/pt-br.php >.
    • APA

      Kato, M. Y., & Mülfarth, R. C. K. (2016). Mobilidade e acessibilidade de instituição hospitalar: avaliação de parâmetros arquitetônicos, segundo pacientes idosos e funcionários. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/16/16132/tde-16022017-125259/pt-br.php
    • NLM

      Kato MY, Mülfarth RCK. Mobilidade e acessibilidade de instituição hospitalar: avaliação de parâmetros arquitetônicos, segundo pacientes idosos e funcionários [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/16/16132/tde-16022017-125259/pt-br.php
    • Vancouver

      Kato MY, Mülfarth RCK. Mobilidade e acessibilidade de instituição hospitalar: avaliação de parâmetros arquitetônicos, segundo pacientes idosos e funcionários [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/16/16132/tde-16022017-125259/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021