Exportar registro bibliográfico

Estrutura e função osteomuscular, capacidade funcional e qualidade de vida de idosas em resposta a um modelo de treinamento fundamentado no princípio de ação do ciclo alongamento-encurtamento (2016)

  • Authors:
  • Autor USP: PINHO, JOÃO PEDRO DOS SANTOS FERREIRA MOREIRA DE - EEFE
  • Unidade: EEFE
  • Sigla do Departamento: EFB
  • Subjects: ENVELHECIMENTO; QUALIDADE DE VIDA; TREINAMENTO DE FORÇA; IDOSOS; BIOMECÂNICA; CAPACIDADE FUNCIONAL
  • Keywords: Quality of life; Senescence; Senescência; Stretch-shortening cycle; Treinamento de potência; Treinamento pliométrico; Biomecânica da marcha; Ciclo alongamento-encurtamento; Functional capacity; Gait biomechanics; Plyometric training; Power training
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: o processo fisiológico de envelhecimento traduz-se em diversas alterações estruturais do sistema musculoesquelético. Estas, por sua vez, acarretam em modificações funcionais que se repercutem na dependência do senescente, determinando a diminuição da sua qualidade de vida. Das estratégias existentes para atenuar os efeitos da senescência o treinamento de potência tem sido apontado como preferido. Existem, contudo, indícios de que um treinamento baseado na potencialização da ação do ciclo alongamento-encurtamento seja uma melhor escolha. Hipóteses do estudo: pelos resultados obtidos em intervenções similares, hipotetiza-se que as participantes do protocolo de intervenção proposto apresentarão um aumento da densidade mineral óssea, do volume muscular, da capacidade funcional e melhora de alguns parâmetros biomecânicos da marcha, bem como da sua qualidade de vida. Objetivos: o objetivo geral do presente trabalho é, portanto, propor um modelo de treinamento fundamentado na potencialização da ação do ciclo alongamento-encurtamento e averiguar os seus efeitos em parâmetros selecionados da morfologia osteomuscular, capacidade funcional e qualidade de vida de idosas. Materiais e Métodos: 21 idosas sedentárias (66,9±4,2 anos) executaram o protocolo proposto durante 20 semanas, tendo os efeitos na densidade mineral óssea de fêmur, coluna, tíbia e rádio; efeitos na composição corporal, na força, no equilíbrio, na marcha, na flexibilidade e na qualidade de vida comparados aos efeitos obtidos pelo grupo controle (N=17, 65,0±3,4 anos), que não alterou o seu nível de atividade física. O protocolo de intervenção, composto por onze exercícios de força realizados com o intuito de potencializar a ação do ciclo alongamento-encurtamento, que apresentava duas modalidades de salto (salto vertical com contramovimento e drop jump), exigia a realização da fase concêntrica na maior velocidade possível. (Continua(Continuação) Resultados: quando comparado com o grupo controle, o grupo experimental apresentou alterações significantes (p,0,05) na densidade mineral óssea de coluna (g=1,06) e sua microarquitetura (g=0,80), na microarquitetura da tíbia (g=0,82), na força máxima (g=2,39) e potência (g=1,38) de extensores de joelho, na velocidade máxima de marcha (g=0,96), na flexibilidade de membros inferiores (g-1,05) e superiores (g=0,86) e no domínio atividades passadas, presentes e futuras da qualidade de vida (g=1,08). Conclusão: os resultados apontam para a eficácia da proposta de intervenção, apresentando-se como uma nova estratégia para atenuar e até mesmo reverter algumas perdas estruturais e funcionais impostas pelo processo de envelhecimento
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 09.06.2016
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PINHO, João Pedro dos Santos Ferreira Moreira de; AMADIO, Alberto Carlos. Estrutura e função osteomuscular, capacidade funcional e qualidade de vida de idosas em resposta a um modelo de treinamento fundamentado no princípio de ação do ciclo alongamento-encurtamento. 2016.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/39/39132/tde-25082016-092631/ >.
    • APA

      Pinho, J. P. dos S. F. M. de, & Amadio, A. C. (2016). Estrutura e função osteomuscular, capacidade funcional e qualidade de vida de idosas em resposta a um modelo de treinamento fundamentado no princípio de ação do ciclo alongamento-encurtamento. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/39/39132/tde-25082016-092631/
    • NLM

      Pinho JP dos SFM de, Amadio AC. Estrutura e função osteomuscular, capacidade funcional e qualidade de vida de idosas em resposta a um modelo de treinamento fundamentado no princípio de ação do ciclo alongamento-encurtamento [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/39/39132/tde-25082016-092631/
    • Vancouver

      Pinho JP dos SFM de, Amadio AC. Estrutura e função osteomuscular, capacidade funcional e qualidade de vida de idosas em resposta a um modelo de treinamento fundamentado no princípio de ação do ciclo alongamento-encurtamento [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/39/39132/tde-25082016-092631/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021