Exportar registro bibliográfico

Função endotelial em crianças pré-púberes com cardiomiopatia dilatada idiopática, insuficiência cardíaca com fração de ejeção de ventrículo esquerdo preservada e saudáveis (2016)

  • Authors:
  • Autor USP: TAVARES, ALINE CRISTINA - FM
  • Unidade: FM
  • Sigla do Departamento: MCP
  • Subjects: ENDOTÉLIO VASCULAR; PEDIATRIA; MIOCARDIOPATIA CONGESTIVA; INSUFICIÊNCIA CARDÍACA; TESTE DE ESFORÇO; CONSUMO; OXIGÊNIO; OXIGENOTERAPIA
  • Keywords: Cardiomyopathy dilated; Endothelium vascular; Exercise test; Heart failure; Oxygen consumption; Pediatrics
  • Language: Português
  • Abstract: Adultos com insuficiência cardíaca (IC) desencadeada por cardiomiopatia dilatada idiopática (CMDid) apresentam disfunção endotelial. Esta, por sua vez, está relacionada a baixo prognóstico. Assim, o objetivo principal desse estudo foi avaliar a função endotelial de crianças com CMDid e com IC por CMDid prévia e função de ejeção do ventrículo esquerdo (FEVE) preservada. O estudo, então, foi composto por três grupos. O grupo CMDid foi composto de 15 crianças com CMDid e FEVE 50%. O grupo controle (CON) foi composto de 11 crianças saudáveis. As crianças dos três grupos foram submetidas a avaliações de função endotelial pelo índice de hiperemia reativa (RHI), ergoespirometria e classificação da classe funcional. Os resultados mostram que a estatura das crianças do CMDid foi menor que a das crianças do CON (1,20 ± 0,20 contra 1,40 ± 0,10; p=0,02). A FEVE foi significativamente menor no CMDid (35,2 ± 10,4) em comparação com a no IC (59,1 ± 5,9) e no CON (62,5 ± 3,4; p=0,0001). Os valores de RHI do CON se apresentaram significativamente 31% maiores que o CMDid e 25% maiores no IC, de forma que houve efeito principal significativo estatisticamente apenas para o grupo em relação à variável RHI [F(2,39)=10,310;p < 0,001; 2=0,35; poder = 0,98].As crianças do CMDid apresentaram os valores de RHI e de pressão arterial sistólica no pico do exercício significantemente menores que as crianças do IC e do CON. A FEVE esteve moderadamente correlacionada com os valores do RHI (r=0,46; p < 0,006). Para cada unidade de medida de RHI,houve um acréscimo de 10,5 no VO2max. Os menores valores de RHI estiveram diretamente correlacionados com os menores valores de VO2max (r=1; p =< 0,01). A classificação de Weber foi significativamente associada às três classes funcionais (da criança, do responsável e do médico)
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 09.06.2016
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      TAVARES, Aline Cristina; GUIMARÃES, Guilherme Veiga. Função endotelial em crianças pré-púberes com cardiomiopatia dilatada idiopática, insuficiência cardíaca com fração de ejeção de ventrículo esquerdo preservada e saudáveis. 2016.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5131/tde-23082016-094004/ >.
    • APA

      Tavares, A. C., & Guimarães, G. V. (2016). Função endotelial em crianças pré-púberes com cardiomiopatia dilatada idiopática, insuficiência cardíaca com fração de ejeção de ventrículo esquerdo preservada e saudáveis. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5131/tde-23082016-094004/
    • NLM

      Tavares AC, Guimarães GV. Função endotelial em crianças pré-púberes com cardiomiopatia dilatada idiopática, insuficiência cardíaca com fração de ejeção de ventrículo esquerdo preservada e saudáveis [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5131/tde-23082016-094004/
    • Vancouver

      Tavares AC, Guimarães GV. Função endotelial em crianças pré-púberes com cardiomiopatia dilatada idiopática, insuficiência cardíaca com fração de ejeção de ventrículo esquerdo preservada e saudáveis [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5131/tde-23082016-094004/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021