Exportar registro bibliográfico

Direito e literatura: a metodologia da pesquisa jurídico-literária de François Ost aplicada a'O juiz de paz da roça de Martins Pena (2016)

  • Authors:
  • Autor USP: MONTEIRO, EDUARDO ALEIXO - FD
  • Unidade: FD
  • Sigla do Departamento: DFD
  • Subjects: LITERATURA; DIREITO; METODOLOGIA DA PESQUISA; MULTIDISCIPLINARIDADE
  • Keywords: Law; Literature; Methodology of Research; Critic Subversion of the Law; Narrative Foundation's Convertion; Judge; Cordial Man; Person
  • Language: Português
  • Abstract: Este trabalho pretendeu contribuir com uma metodologia da pesquisa em Direito e Literatura. Para tanto, foi identificado, aprimorado e sistematizado o método de análise jurídica de obra literária empregue por François Ost. Em seguida, aplicou-se o método à peça O juiz de paz da roça de Martins Pena. Adotou-se a premissa pela qual o Teatro, se considerado tão-somente enquanto texto, pode ser analisado como obra literária. Logo de saída, definiram-se os estudos fomentados pelo Movimento Direito e Literatura e se traçou um panorama histórico. O panorama estimou a repercussão do movimento no Brasil e fundamentou a opção pelas obras de Ost e Pena. No Brasil, não se fala sequer em uma metodologia da pesquisa jurídico-literária e os escritores nacionais são menos examinados que os estrangeiros. A metodologia ostiana gira em torno dos conceitos de subversão crítica do direito e conversão fundadora da narrativa. O pesquisador deve recorrer a teorias zetéticas para avaliar esses conceitos na obra literária analisada. N'O juiz de paz da roça, o juiz recebe requerimentos dos roceiros, tomando suas decisões qual o pequeno corrupto que é. As decisões do juiz de paz não podem ser explicadas por teorias jurídicas tradicionais. Para explicar a subversão crítica do direito e a conversão fundadora da narrativa, recorreu-se às noções de "homem cordial" em Sérgio Buarque de Holanda e "pessoa" em Roberto DaMatta, respectivamente. O juiz de paz corresponde ao homem cordial buarqueano, cujo equivalente hodierno é justamente a pessoa damattiana. Infelizmente, ainda há magistrados tomando suas decisões como o juiz de Martins Pena. O método utilizado prestou-se satisfatoriamente à análise jurídica de obra literária e consiste em uma orientação valiosa para pesquisas de Direito e Literatura
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 18.04.2016

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MONTEIRO, Eduardo Aleixo; OLIVEIRA, Mara Regina de. Direito e literatura: a metodologia da pesquisa jurídico-literária de François Ost aplicada a'O juiz de paz da roça de Martins Pena. 2016.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2016.
    • APA

      Monteiro, E. A., & Oliveira, M. R. de. (2016). Direito e literatura: a metodologia da pesquisa jurídico-literária de François Ost aplicada a'O juiz de paz da roça de Martins Pena. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Monteiro EA, Oliveira MR de. Direito e literatura: a metodologia da pesquisa jurídico-literária de François Ost aplicada a'O juiz de paz da roça de Martins Pena. 2016 ;
    • Vancouver

      Monteiro EA, Oliveira MR de. Direito e literatura: a metodologia da pesquisa jurídico-literária de François Ost aplicada a'O juiz de paz da roça de Martins Pena. 2016 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021