Exportar registro bibliográfico

Avaliação isocinética da musculatura do quadril: revisão sistemática da literatura (2015)

  • Authors:
  • Autor USP: ZAPPAROLI, FABRICIO YURI - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RAL
  • Subjects: QUADRIL; DINAMÔMETROS; ORTOPEDIA; REVISÃO SISTEMÁTICA
  • Keywords: Dinamômetro de força muscular; Isocinético; Hip; Isokinetic; Muscle Strength Dynamometer
  • Language: Português
  • Abstract: A dinamometria isocinética é um método seguro e fidedigno de avaliação da força, trabalho e potência dos grupos musculares e representa o “padrão ouro” na avaliação em cadeia cinética aberta. Com os avanços tecnológicos, a avaliação isocinética tornou-se uma ferramenta muito utilizada para avaliação do desempenho muscular tanto em estudos biomecânicos como clínicos. O objetivo deste estudo foi realizar revisão sistemática da literatura sobre avaliação isocinética do quadril, com ênfase nos parâmetros metodológicos associados e melhor reprodutibilidade, especificamente: posicionamento do paciente, do eixo do dinamômetro e do braço de alavanca no momento do exame; velocidade angular e tipo de contração. Foi realizada uma pesquisa bibliográfica sistematizada nas bases de dados eletrônicas Cochrane, LILACS, PEDro, PubMed e SciELO. Os critérios de inclusão foram: artigos que avaliaram a força da musculatura do quadril com o dinamômetro isocinético e que continham análise de reprodutibilidade ICC ou PCC dos testes. Foram encontrados 148 artigos selecionados nas bases de dados eletrônicas, deste total foram selecionados 20 estudos que avaliaram isocineticamente a musculatura do quadril, após a pré-seleção dos artigos, os mesmos foram subdivididos em 3 grupos de acordo com o movimento realizado pelo quadril: Grupo 1 – treze artigos avaliaram o movimento de flexão e extensão; Grupo 2 – nove artigos avaliaram abdução e adução; Grupo 3 – seis artigos avaliaram rotação interna e externa, um total de 1137 indivíduos foram submetidos à avaliação isocinética do quadril. Em cada Grupo selecionaram-se os artigos que obtiveram melhor resultado de reprodutibilidade, cujos parâmetros metodológicos foram avaliados. Conclusão: Para obter melhor reprodutibilidade da avaliação isocinética da musculatura flexora e extensora do quadril, o indivíduo deve ser posicionado em decúbito dorsal com o eixo dodinamômetro alinhado no trocânter maior do fêmur. A fixação do braço de alavanca posicionada na região mais distal possível da coxa. A velocidade angular utilizada para análise de pico de torque e trabalho muscular 60°/s e para avaliação da potência muscular 180°/s e as contrações analisadas concêntricas e excêntricas. Na avaliação isocinética da musculatura abdutora e adutora do quadril, o indivíduo deve ser posicionado em decúbito lateral com as costas voltada para o dinamômetro, o eixo do dinamômetro posicionado na intersecção de duas linhas retas, sendo a primeira linha a partir da EIPS até o joelho e a segunda linha medial ao trocânter maior do fêmur em direção à linha média do corpo. A fixação do braço de alavanca posicionada na região distal da coxa. A velocidade angular utilizada para análise de pico de torque e trabalho muscular 30°/s e para avaliação de potência muscular 210°/s. As contrações analisadas foram concêntricas e excêntricas. Na avaliação isocinética dos rotadores internos e externos, o indivíduo testado posicionou-se sentado com eixo do dinamômetro alinhado com a linha articular do joelho, com a fixação do braço de alavanca na região distal da tíbia. A velocidade angular mais utilizada para análise de pico de torque e trabalho muscular foi de 30°/s e para avaliação da potência muscular foi 210°/s, as contrações analisadas também foram concêntricas e excêntricas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 14.12.2015
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ZAPPAROLI, Fabricio Yuri; RIBERTO, Marcelo. Avaliação isocinética da musculatura do quadril: revisão sistemática da literatura. 2015.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17142/tde-10082018-093652/ >.
    • APA

      Zapparoli, F. Y., & Riberto, M. (2015). Avaliação isocinética da musculatura do quadril: revisão sistemática da literatura. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17142/tde-10082018-093652/
    • NLM

      Zapparoli FY, Riberto M. Avaliação isocinética da musculatura do quadril: revisão sistemática da literatura [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17142/tde-10082018-093652/
    • Vancouver

      Zapparoli FY, Riberto M. Avaliação isocinética da musculatura do quadril: revisão sistemática da literatura [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17142/tde-10082018-093652/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020