Exportar registro bibliográfico

A revitalização do centro histórico de João Pessoa: uma estratégia para a reprodução do capital (2015)

  • Authors:
  • USP affiliated author: SILVA, REGINA CELLY NOGUEIRA DA - FFLCH
  • School: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLG
  • Subjects: RENOVAÇÃO URBANA; CENTROS HISTÓRICOS; PATRIMÔNIO HISTÓRICO
  • Language: Português
  • Abstract: A presente pesquisa teve como objetivo analisar as formas através das quais o processo de revitalização do Centro Histórico de João Pessoa repercute na dinâmica socioespacial da área, bem como a interação dos elementos intervenientes na construção de sua realidade atual. Da mesma maneira, é parte do nosso interesse a identificação dos tipos de políticas levadas a efeito pelo Estado a partir da década de 1980 até os dias atuais, juntamente com as ações postas em prática pelas representações de setores do poder econômico da nossa sociedade, no interesse de redimensionar a produção e a reprodução do mencionado espaço. Visamos analisar as contradições existentes entre o discurso oficial e a sua efetiva prática, nas ações direcionadas ao chamado processo de revitalização. Também é nossa intenção analisar a mobilização da comunidade conhecida como Porto do Capim frente ao referido processo. Buscamos a identificação de como estes processos de intervenção urbana afetam diretamente a vida dos moradores locais, levando em consideração que estes moradores são ocupantes históricos deste lugar, tendo aí instaladas suas atividades e formas de uso do solo e da área espacial representativa do Centro Histórico. Consideramos que sua permanência e atividades na área, representam os sentidos de seu cotidiano, de sua identidade com o local e de sua sobrevivência. Ações no sentido da sua permanência e status patrimonial podem ser interpretadas, tal como em outros exemplos de revitalização comoressignificação de formas de resistência às demandas da expansão do sistema capitalista no país como os casos do (Recife Antigo/PE, Pelourinho/Salvador BA, Centro Dragão do Mar-Fortaleza). Para a realização desse trabalho nos pautamos em trabalhos acadêmicos, publicações que discutem intervenções nas áreas históricas das cidades brasileiras, experiências nacionais e internacionais. O trabalho empírico foi realizado no Bairro do Varadouro e na Comunidade Porto do Capim, Vila Nassau e Frei Vital. Nesta etapa da pesquisa, e dentro de nossa ótica metodológica, procuramos contato diário com moradores e comerciantes da área. Frequentamos suas festas e manifestações religiosas/culturais, conversamos com donas de casa e pessoas mais antigas no lugar. Ao fim de algum tempo de convivência, conseguimos maior confiança e aceitação, bem como, da nossa parte, o entendimento mais abrangente do modo de vida da Comunidade. Grande parte das informações foram coletadas junto à Comissão Permanente de Desenvolvimento do Centro Histórico de João Pessoa, da Biblioteca do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional e da Coordenadoria do Patrimônio Cultural de João Pessoa. Desta forma elegemos como metodologia de investigação adotada neste estudo, a pesquisa qualitativa, por entendermos que essa metodologia proporcionará um olhar mais amplo sobre o processo em análise. Os recursos metodológicos foram: as entrevistas semi-estruturadas com técnicos do poder público, estudiosos da questãourbana, antigos moradores do Centro Histórico, da Comissão de Mulheres do Porto do Capim e demais moradores da Comunidade. Além das entrevistas, utilizamos a observação e descrição analítica da área de estudo. Através desses instrumentos, foram analisados elementos estruturais tais como: a memória, a tradição, o sentimento de pertencimento e o patrimônio cultural do lugar. Nosso estudo interpretou o uso deste espaço pelo poder público, em conjunto com representações comerciais do Capital, como área de disponibilidade geográfica para a instalação de investimentos, instalação de atividades ligadas à reprodução do capital no Centro Histórico. Os resultados evidenciam que o controle do Centro Histórico de João Pessoa não deixou de ser importante, mesmo que se tenham mudado as suas funcionalidades ao longo do tempo e os agentes que controlam esse espaço. Vale salientar que as práticas culturais e os usos cotidianos que se materializam na área do Porto do Capim, Vila Nasssau e Frei Vital representam formas de resistência ao processo de revitalização em curso.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 16.12.2015
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA, Regina Celly Nogueira da; ALVES, Gloria da Anunciacao. A revitalização do centro histórico de João Pessoa: uma estratégia para a reprodução do capital. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8136/tde-10032016-144330/ >.
    • APA

      Silva, R. C. N. da, & Alves, G. da A. (2015). A revitalização do centro histórico de João Pessoa: uma estratégia para a reprodução do capital. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8136/tde-10032016-144330/
    • NLM

      Silva RCN da, Alves G da A. A revitalização do centro histórico de João Pessoa: uma estratégia para a reprodução do capital [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8136/tde-10032016-144330/
    • Vancouver

      Silva RCN da, Alves G da A. A revitalização do centro histórico de João Pessoa: uma estratégia para a reprodução do capital [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8136/tde-10032016-144330/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020