Exportar registro bibliográfico

Engenho de letras: imprensa, livro e leitura como estratégia de ascensão negra na segunda metade do século XIX (2015)

  • Authors:
  • Autor USP: FELIPE, ADILSON EDNEI - FFLCH
  • Unidade: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLH
  • Subjects: NEGROS (HISTÓRIA); INTELECTUAIS (HISTÓRIA); CLASSES SOCIAIS; JORNALISMO (ASPECTOS SOCIAIS); LIVROS (ASPECTOS SOCIAIS)
  • Keywords: Ascensão negra; Black ascension; Black intellectuals; Books and reading in Brazil; Intelectuais negros; Livro e Leitura no Brasil
  • Language: Português
  • Abstract: Intelectuais negros e mulatos1 fossem jornalistas, escritores, advogados ou engenheiros (no caso dos irmãos Rebouças) existiram em um período em que o negro, supostamente, não deveria contar com possibilidades de inserção socioeconômica em setores acima da escravidão ou de um negro livre prestador de serviços básicos. Entretanto, características próprias do período relacionadas à intensa presença do negro e do mulato na sociedade e em suas atividades cotidianas, sua lógica simbólica e de sociabilidade propiciaram a inserção destes em ambientes e estratégias de sobrevivência, superação de obstáculos, muitos próprios de sua ascendência, e a ascensão social. Não obstante, esta presença intensa coincide, inclusive, com outra, a produção gráfica, que, por sua vez, está relacionada à valorização da escrita e da leitura em uma sociedade cuja alfabetização era precária e extremamente restrita. O escopo do presente opúsculo está concentrado em identificar e refletir sobre alguns mecanismos de inserção e ascensão social de negros e mulatos dentro de um universo simbólico de sociabilidade próprio de um período (segunda metade do século XIX), de um modelo governamental (Monarquia) e de uma composição trabalhista específica (escravidão). Ascensão esta, vinculada à produção impressa (jornalística e literária), à inserção no universo intelectual rebuscado e à proximidade das altas instâncias sociais, governamentais e econômicas provenientes de tais atividades ou relacionadas a estas.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.11.2015
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FELIPE, Adilson Ednei; LEONZO, Nanci. Engenho de letras: imprensa, livro e leitura como estratégia de ascensão negra na segunda metade do século XIX. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8138/tde-11032016-131533/ >.
    • APA

      Felipe, A. E., & Leonzo, N. (2015). Engenho de letras: imprensa, livro e leitura como estratégia de ascensão negra na segunda metade do século XIX. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8138/tde-11032016-131533/
    • NLM

      Felipe AE, Leonzo N. Engenho de letras: imprensa, livro e leitura como estratégia de ascensão negra na segunda metade do século XIX [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8138/tde-11032016-131533/
    • Vancouver

      Felipe AE, Leonzo N. Engenho de letras: imprensa, livro e leitura como estratégia de ascensão negra na segunda metade do século XIX [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8138/tde-11032016-131533/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021