Exportar registro bibliográfico

Kant e Schiller: conflitos e diálogos entre entendimento e sensibilidade (2015)

  • Authors:
  • Autor USP: SANTANA JUNIOR, PAULO BORGES DE - FFLCH
  • Unidade: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLF
  • Subjects: FILOSOFIA MODERNA; ESTÉTICA; MORAL
  • Keywords: Cultura humana; Human culture; Lei moral; Moral law
  • Language: Português
  • Abstract: A proposta estruturante deste trabalho é problematizar, em diferentes temas, o lugar das preocupações estéticas ou sensíveis nos textos de Kant à luz de A Educação Estética do Homem. Partindo sempre da letra de Kant, elaboramos as questões e as posturas desse autor no que diz respeito ao campo estético no modo da escrita kantiana, na formulação dos princípios morais e na promoção da tarefa moral entre os homens. O nosso objetivo é, por um lado, ressaltar a importância dessas questões e, por outro lado, mostrar a possibilidade de, sem desrespeitar os princípios kantianos, assumir posturas distintas das de Kant. Nesse empreendimento, Schiller, enquanto poeta-filósofo ou filósofo-poeta, mostra-se sobretudo na obra supracitada o autor que, de maneira destacável, compreende os princípios da razão e defende uma postura original de exercitá-los. Reconhecendo que a sensibilidade não tem muito a acrescentar na fundamentação de princípios racionais defendida pelo entendimento analítico, Schiller reserva-lhe um papel totalmente diferente no que se refere ao desafio humano de agir segundo tais princípios num mundo em que as contingências nunca se fazem ausentes (num mundo ininterruptamente pulsante). Se a compreensão exata da legislação da razão necessita atravessar o caminho escolástico ou analítico das Críticas, sendo, portanto, acessível a poucos homens, a tarefa da razão necessita se apresentar como exequível a todo e qualquer homem que a queira. Não se trata aqui de afirmar que aeducação estética executa melhor essa tarefa que o projeto do esclarecimento, mas apenas que aquela educação, embora se coloque numa perspectiva plenamente humana, não representa um perigo à pureza ou incondicionalidade da razão.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 13.10.2015
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SANTANA JUNIOR, Paulo Borges de; SUZUKI, Marcio. Kant e Schiller: conflitos e diálogos entre entendimento e sensibilidade. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8133/tde-08032016-150501/ >.
    • APA

      Santana Junior, P. B. de, & Suzuki, M. (2015). Kant e Schiller: conflitos e diálogos entre entendimento e sensibilidade. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8133/tde-08032016-150501/
    • NLM

      Santana Junior PB de, Suzuki M. Kant e Schiller: conflitos e diálogos entre entendimento e sensibilidade [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8133/tde-08032016-150501/
    • Vancouver

      Santana Junior PB de, Suzuki M. Kant e Schiller: conflitos e diálogos entre entendimento e sensibilidade [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8133/tde-08032016-150501/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021