Exportar registro bibliográfico

Governança e relatório integrado: discursos e práticas da sustentabilidade corporativa (2016)

  • Authors:
  • Autor USP: NICHI, JAQUELINE - EACH
  • Unidade: EACH
  • Subjects: RESPONSABILIDADE SOCIAL; SUSTENTABILIDADE (ASPECTOS AMBIENTAIS;ASPECTOS ECONÔMICOS); GOVERNANÇA CORPORATIVA
  • Keywords: Corporate governance; Governança corporativa; IIRC; IIRC; Institutional theory; Integrated reporting; Interorganizational networks; Redes interorganizacionais; Relato Integrado; Relatórios de sustentabilidade; Sustainability reporting; Teoria institucional
  • Language: Português
  • Abstract: A crise econômica tornou a transparência um valor para as corporações e influenciou o surgimento de um mercado verde de relatórios de Sustentabilidade. Este fenômeno motivou esta pesquisa, que enfoca o caso do Relato Integrado (Integrated Reporting ) promovido pelo International Integrated Reporting Council (IIRC), rede sem fins lucrativos formada por múltiplos atores. O prevê a integração de dados financeiros e não-financeiros - sociais e ambientais - a fim de demonstrar como a organização cria valor ao longo do tempo para seus diversos públicos. Como base teórica, foi explorada a perspectiva da Teoria Institucional e da Nova Sociologia Econômica, que explica o desenvolvimento dos mercados a partir construções sociais. O objetivo foi investigar a razão de as empresas adotarem esta prática voluntária e compreender como as 12 companhias brasileiras do Programa Piloto do Relato Integrado aderiram às diretrizes de governança propostas pelo IIRC. Este requisito é diferenciador por influenciar diretamente a tomada de decisão. Para isso, o campo organizacional e a rede foram abordados de forma exploratória a fim de comprovar como esta prática influi, ou não, na agenda da Sustentabilidade. O método qualitativo de estudo de caso e a técnica de análise do discurso para interpretar as entrevistas semiestruturadas realizadas com a amostra embasaram a análise dos dados. (continua)(continuação) Os resultados indicam que o campo organizacional das grandes empresas e associações do mercado guiam pressões isomórficas que influenciam essa prática. Por outro lado, há evidências de que a mudança na governança das práticas socioambientais corporativas influencia resultados práticos em prol de uma agenda mais sustentável. Conclui-se, ao considerar o campo dos relatórios como resultado de uma estrutura social, que essa rede vai além das exigências legais e regulatórias e passa a ser vista como exemplo a ser seguido ao tornar a Sustentabilidade um valor intrínseco à prática empresarial
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 24.02.2016
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      NICHI, Jaqueline; MORETTO, Evandro Mateus. Governança e relatório integrado: discursos e práticas da sustentabilidade corporativa. 2016.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/100/100136/tde-02032016-172903/ >.
    • APA

      Nichi, J., & Moretto, E. M. (2016). Governança e relatório integrado: discursos e práticas da sustentabilidade corporativa. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/100/100136/tde-02032016-172903/
    • NLM

      Nichi J, Moretto EM. Governança e relatório integrado: discursos e práticas da sustentabilidade corporativa [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/100/100136/tde-02032016-172903/
    • Vancouver

      Nichi J, Moretto EM. Governança e relatório integrado: discursos e práticas da sustentabilidade corporativa [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/100/100136/tde-02032016-172903/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021