Exportar registro bibliográfico

Textos autênticos, adaptados e semi-autênticos no ensino de alemão como língua estrangeira:: reflexões sob a perspectiva da pedagogia pós-método e da aprendizagem como participação (2015)

  • Authors:
  • Autor USP: SILVA, MARIANA KUNTZ DE ANDRADE E - FFLCH
  • Unidade: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLM
  • Subjects: LÍNGUA ALEMÃ; ENSINO E APRENDIZAGEM; ENSINO DE LÍNGUA ESTRANGEIRA; LIVRO DIDÁTICO
  • Keywords: Alemão como língua estrangeira; Authentic texts; German as a foreign language; Pedagogia pós-método; Post-method pedagogy; Textos autênticos
  • Language: Português
  • Abstract: A presente pesquisa tem como objetivo repensar o papel dos textos autênticos no ensino e aprendizagem de línguas estrangeiras, em especial de Alemão como Língua Estrangeira, com base na perspectiva da Pedagogia Pós-Método e no conceito de aprendizagem como participação. Partindo de um levantamento que aponta a pouca presença de textos autênticos em diversos livros didáticos para o ensino de alemão de níveis iniciais (nível A2 do Quadro Europeu Comum), e levando-se em conta que o livro didático ainda é o principal instrumento de ensino na maioria das instituições, essa pesquisa busca refletir sobre as consequências desse cenário para o desenvolvimento de um ensino crítico e transformador. Assim, a pesquisa visa problematizar as diferenças entre textos autênticos, adaptados e semi-autênticos presentes em livros didáticos internacionais de alemão como língua estrangeira, e refletir sobre alguns possíveis efeitos decorrentes do uso de cada um desses materiais para as perspectivas citadas. Tomando por base os parâmetros da Pedagogia Pós-Método elaborados por Kumaravadivelu (2006) e o conceito de aprendizagem como participação baseado em Lave & Wenger (1991), somado ao conceito de comunidade discursiva de Swales (1990), foram realizadas análises comparativas entre textos autênticos e adaptados dos gêneros textuais entrevista e notícia de jornal, observando que elementos foram mantidos ou omitidos na adaptação, e como eles poderiam contribuir ou dificultar a realização de um ensinocrítico e a participação periférica legítima do aprendiz nas comunidades discursivas da língua-alvo. A partir dessas análises, constatou-se que, nos textos adaptados, elementos polêmicos ou tristes foram excluídos, além de referências externas e informações pessoais. Com isso, constatou-se que os textos adaptados tendem a transmitir uma mensagem positiva sobre o país e a cultura da língua-alvo, relacionada principalmente ao sucesso profissional, o que não ocorre nos textos autênticos, que trazem visões mais realistas e diversificadas da cultura-alvo. Uma análise posterior com textos semi-autênticos dos mesmos gêneros constatou que essas tendências encontradas nos textos adaptados também estão presentes nesses textos, tornando o livro didático um cartão postal da língua-alvo (BOLOGNINI, 1991), ao invés de um instrumento que colabora com a participação e o desenvolvimento da reflexão do aprendiz. Ainda, uma análise de texto autêntico do gênero entrevista presente em um livro didático mostra que o texto autêntico, mesmo quando inserido em um livro didático, propicia maior participação do aprendiz em discursos da cultura-alvo, além de possuir maior potencial de desenvolvimento da reflexão. Também foi ressaltado o papel do professor para o A presente pesquisa tem como objetivo repensar o papel dos textos autênticos no ensino e aprendizagem de línguas estrangeiras, em especial de Alemão como Língua Estrangeira, com base na perspectiva da Pedagogia Pós-Método e no conceito deaprendizagem como participação. Partindo de um levantamento que aponta a pouca presença de textos autênticos em diversos livros didáticos para o ensino de alemão de níveis iniciais (nível A2 do Quadro Europeu Comum), e levando-se em conta que o livro didático ainda é o principal instrumento de ensino na maioria das instituições, essa pesquisa busca refletir sobre as consequências desse cenário para o desenvolvimento de um ensino crítico e transformador. Assim, a pesquisa visa problematizar as diferenças entre textos autênticos, adaptados e semi-autênticos presentes em livros didáticos internacionais de alemão como língua estrangeira, e refletir sobre alguns possíveis efeitos decorrentes do uso de cada um desses materiais para as perspectivas citadas. Tomando por base os parâmetros da Pedagogia Pós-Método elaborados por Kumaravadivelu (2006) e o conceito de aprendizagem como participação baseado em Lave & Wenger (1991), somado ao conceito de comunidade discursiva de Swales (1990), foram realizadas análises comparativas entre textos autênticos e adaptados dos gêneros textuais entrevista e notícia de jornal, observando que elementos foram mantidos ou omitidos na adaptação, e como eles poderiam contribuir ou dificultar a realização de um ensino crítico e a participação periférica legítima do aprendiz nas comunidades discursivas da língua-alvo. A partir dessas análises, constatou-se que, nos textos adaptados, elementos polêmicos ou tristes foram excluídos, além de referênciasexternas e informações pessoais. Com isso, constatou-se que os textos adaptados tendem a transmitir uma mensagem positiva sobre o país e a cultura da língua-alvo, relacionada principalmente ao sucesso profissional, o que não ocorre nos textos autênticos, que trazem visões mais realistas e diversificadas da cultura-alvo. Uma análise posterior com textos semi-autênticos dos mesmos gêneros constatou que essas tendências encontradas nos textos adaptados também estão presentes nesses textos, tornando o livro didático um cartão postal da língua-alvo (BOLOGNINI, 1991), ao invés de um instrumento que colabora com a participação e o desenvolvimento da reflexão do aprendiz. Ainda, uma análise de texto autêntico do gênero entrevista presente em um livro didático mostra que o texto autêntico, mesmo quando inserido em um livro didático, propicia maior participação do aprendiz em discursos da cultura-alvo, além de possuir maior potencial de desenvolvimento da reflexão. Também foi ressaltado o papel do professor para o desenvolvimento da reflexão e participação em sala de aula, reconhecendo sua importância na mediação entre aprendiz e texto, mas também levantando questões sobre o alcance de suas possibilidades de trabalho com os livros didáticos convencionais e sobre a necessidade de preparo para lidar com materiais externos ou não simplificados. Por fim, apresentou-se uma proposta sobre o entendimento do conceito de participação periférica legítima no ensino de línguas estrangeiras, pormeio da leitura de textos autênticos, possibilidade que pode ser ampliada em trabalhos futuros.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 25.11.2015
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA, Mariana Kuntz de Andrade e; UPHOFF, Dorthe. Textos autênticos, adaptados e semi-autênticos no ensino de alemão como língua estrangeira:: reflexões sob a perspectiva da pedagogia pós-método e da aprendizagem como participação. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8144/tde-01032016-143905/ >.
    • APA

      Silva, M. K. de A. e, & Uphoff, D. (2015). Textos autênticos, adaptados e semi-autênticos no ensino de alemão como língua estrangeira:: reflexões sob a perspectiva da pedagogia pós-método e da aprendizagem como participação. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8144/tde-01032016-143905/
    • NLM

      Silva MK de A e, Uphoff D. Textos autênticos, adaptados e semi-autênticos no ensino de alemão como língua estrangeira:: reflexões sob a perspectiva da pedagogia pós-método e da aprendizagem como participação [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8144/tde-01032016-143905/
    • Vancouver

      Silva MK de A e, Uphoff D. Textos autênticos, adaptados e semi-autênticos no ensino de alemão como língua estrangeira:: reflexões sob a perspectiva da pedagogia pós-método e da aprendizagem como participação [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8144/tde-01032016-143905/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021