Exportar registro bibliográfico

Avaliação de diferentes vias de imunização com novo adjuvante para Neisseria meningitidis em diferentes linhagens de camundongos (2015)

  • Authors:
  • Autor USP: BRITO, LUCIANA TENDOLINI - BIOTECNOLOGIA
  • Unidade: BIOTECNOLOGIA
  • Subjects: BACTÉRIAS GRAM NEGATIVAS; VACINAS; ADJUVANTES IMUNOLÓGICOS; MENINGITE; CAMUNDONGOS; IMUNIZAÇÃO
  • Keywords: Neisseria meningitidis B; Neisseria meningitidis B; Adjuvantes; Adjuvants; Análise histopatológica; DDA-BF; DDA-BF; Histopathological analysis; Linhagens isogênicas; Outer membrane vesicles; Strains of mice; Vesículas de membrana externa
  • Language: Português
  • Abstract: Na primeira parte do estudo camundongos Swiss foram imunizados por diferentes vias de imunização com OMVs de Neissera meningitidis com DDA-BF ou HA como adjuvantes . Os adjuvantes e diferentes vias foram comparados quanto às respostas imunes por meio de ELISA ,Immunoblot ,HTT e análise histopatológica. Os animais imunizados apenas com adjuvantes não produziram títulos de anticorpos. Após única dose e decorridos 15 dias, a imunização com HA e antígeno apresentou títulos de IgG mais altos em relação ao DDA-BF nas vias subcutânea, intraperitoneal e intramuscular. Após 2 doses e 66 dias, todas as vias exibiram títulos de IgG, sendo as que receberam o HA com OMVs produziram títulos discretamente mais altos e ainda altos índices de avidez. O perfil da resposta imune quanto ao padrão Th1/Th2 foi avaliado. Ambos adjuvantes promoveram a produção de IgG2a, as respostas variaram de acordo com as vias de imunização utilizada. Enquanto as vias subcutânea e intramuscular induziram títulos semelhantes de IgG2a para ambos adjuvantes, a via intraperitoneal com DDA teve título mais alto. A produção de IgG1 foi modulada apenas por HA, sendo mais robusta na via subcutânea, seguida pela intramuscular com valores muito próximos aos da intraperitoneal. Camundongos isogênicos Balb/c H2d e C57Bl/6J H2b foram imunizados pela via subcutânea. Foram avaliadas as produções de anticorpos do tipo IgG, IgG1 e IgG2a, bem como o índice de avidez de IgG. De modo geral, os grupos de OMVs HA induziram maiorprodução de anticorpos que OMVs DDA ou apenas OMVs, enquanto os controles HA, DDA e salina não apresentaram níveis de anticorpos. Pelas técnicas utilizadas no estudo não observamos uma diferença significante entre os dois adjuvantes utilizados independente da via e da linhagem de camundongos utilizados
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.10.2015
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BRITO, Luciana Tendolini; GASPARI, Elizabeth Natal de. Avaliação de diferentes vias de imunização com novo adjuvante para Neisseria meningitidis em diferentes linhagens de camundongos. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/87/87131/tde-10032016-102928/ >.
    • APA

      Brito, L. T., & Gaspari, E. N. de. (2015). Avaliação de diferentes vias de imunização com novo adjuvante para Neisseria meningitidis em diferentes linhagens de camundongos. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/87/87131/tde-10032016-102928/
    • NLM

      Brito LT, Gaspari EN de. Avaliação de diferentes vias de imunização com novo adjuvante para Neisseria meningitidis em diferentes linhagens de camundongos [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/87/87131/tde-10032016-102928/
    • Vancouver

      Brito LT, Gaspari EN de. Avaliação de diferentes vias de imunização com novo adjuvante para Neisseria meningitidis em diferentes linhagens de camundongos [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/87/87131/tde-10032016-102928/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021