Exportar registro bibliográfico

Mercado preditivo: um método de previsão baseado no conhecimento coletivo (2015)

  • Authors:
  • Autor USP: FERRAZ, IVAN ROBERTO - FEA
  • Unidade: FEA
  • Sigla do Departamento: EAD
  • Subjects: INTELIGÊNCIA COLETIVA; SISTEMAS E MÉTODOS; PREVISÃO ECONÔMICA
  • Keywords: Collective intelligence; Crowdsourcing; Economic forecasting; Electoral forecasting; Previsão eleitoral; Previsão esportiva; Sports forecasting; Systems and methods
  • Language: Português
  • Abstract: Mercado Preditivo (MP) é uma ferramenta que utiliza o mecanismo de preço de mercado para agregar informações dispersas em um grande grupo de pessoas, visando à geração de previsões sobre assuntos de interesse. Trata-se de um método de baixo custo, capaz de gerar previsões de forma contínua e que não exige amostras probabilísticas. Há diversas aplicações para esses mercados, sendo que uma das principais é o prognóstico de resultados eleitorais. Este estudo analisou evidências empíricas da eficácia de um Mercado Preditivo no Brasil, criado para fazer previsões sobre os resultados das eleições gerais do ano de 2014, sobre indicadores econômicos e sobre os resultados de jogos do Campeonato Brasileiro de futebol. A pesquisa teve dois grandes objetivos: i) desenvolver e avaliar o desempenho de um MP no contexto brasileiro, comparando suas previsões em relação a métodos alternativos; ii) explicar o que motiva as pessoas a participarem do MP, especialmente quando há pouca ou nenhuma interação entre os participantes e quando as transações são realizadas com uma moeda virtual. O estudo foi viabilizado por meio da criação da Bolsa de Previsões (BPrev), um MP online que funcionou por 61 dias, entre setembro e novembro de 2014, e que esteve aberto à participação de qualquer usuário da Internet no Brasil. Os 147 participantes registrados na BPrev efetuaram um total de 1.612 transações, sendo 760 no tema eleições, 270 em economia e 582 em futebol. Também foram utilizados dois questionáriosonline para coletar dados demográficos e percepções dos usuários. O primeiro foi aplicado aos potenciais participantes antes do lançamento da BPrev (302 respostas válidas) e o segundo foi aplicado apenas aos usuários registrados, após dois meses de experiência de uso da ferramenta (71 respostas válidas). Com relação ao primeiro objetivo, os resultados sugerem que Mercados Preditivos são viáveis no contexto brasileiro. No tema eleições, o erro absoluto médio das previsões do MP na véspera do pleito foi de 3,33 pontos percentuais, enquanto o das pesquisas de opinião foi de 3,31. Considerando todo o período em que o MP esteve em operação, o desempenho dos dois métodos também foi parecido (erro absoluto médio de 4,20 pontos percentuais para o MP e de 4,09 para as pesquisas). Constatou-se também que os preços dos contratos não são um simples reflexo dos resultados das pesquisas, o que indica que o mercado é capaz de agregar informações de diferentes fontes. Há potencial para o uso de MPs em eleições brasileiras, principalmente como complemento às metodologias de previsão mais tradicionais. Todavia, algumas limitações da ferramenta e possíveis restrições legais podem dificultar sua adoção. No tema economia, os erros foram ligeiramente maiores do que os obtidos com métodos alternativos. Logo, um MP aberto ao público geral, como foi o caso da BPrev, mostrou-se mais indicado para previsões eleitorais do que para previsões econômicas. Já no tema futebol, as previsões do MP forammelhores do que o critério do acaso, mas não houve diferença significante em relação a outro método de previsão baseado na análise estatística de dados históricos. No que diz respeito ao segundo objetivo, a análise da participação no MP aponta que motivações intrínsecas são mais importantes para explicar o uso do que motivações extrínsecas. Em ordem decrescente de relevância, os principais fatores que influenciam a adoção inicial da ferramenta são: prazer percebido, aprendizado percebido, utilidade percebida, interesse pelo tema das previsões, facilidade de uso percebida, altruísmo percebido e recompensa percebida. Os indivíduos com melhor desempenho no mercado são mais propensos a continuar participando. Isso sugere que, com o passar do tempo, o nível médio de habilidade dos participantes tende a crescer, tornando as previsões do MP cada vez melhores. Os resultados também indicam que a prática de incluir questões de entretenimento para incentivar a participação em outros temas é pouco eficaz. Diante de todas as conclusões, o MP revelou-se como potencial técnica de previsão em variados campos de investigação
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 08.12.2015
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FERRAZ, Ivan Roberto; GOUVEA, Maria Aparecida. Mercado preditivo: um método de previsão baseado no conhecimento coletivo. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/12/12139/tde-22022016-121104/ >.
    • APA

      Ferraz, I. R., & Gouvea, M. A. (2015). Mercado preditivo: um método de previsão baseado no conhecimento coletivo. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/12/12139/tde-22022016-121104/
    • NLM

      Ferraz IR, Gouvea MA. Mercado preditivo: um método de previsão baseado no conhecimento coletivo [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/12/12139/tde-22022016-121104/
    • Vancouver

      Ferraz IR, Gouvea MA. Mercado preditivo: um método de previsão baseado no conhecimento coletivo [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/12/12139/tde-22022016-121104/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021