Exportar registro bibliográfico

Contribuição para o estudo da imunopatologia da doença de Hansen (2015)

  • Autor:
  • Autor USP: QUARESMA, JUAREZ ANTÔNIO SIMÕES - FM
  • Unidade: FM
  • Sigla do Departamento: MPT
  • Subjects: MYCOBACTERIUM LEPRAE; IMUNOHISTOQUÍMICA; Imunopatologia
  • Language: Português
  • Abstract: A hanseníase é uma doença infecciosa cujo curso clínico está intimamente relacionado ao padrão de resposta imunológica e intercorrências clínicas que surgem durante ou após o tratamento. Diversas publicações têm caracterizado a resposta imunológica do hospdeiro, correlacionando padrões citoclínicos com as formas clínicas da doença, tal como o perfil TH1 na hanseníase tuberculóide e o perfil TH2 associado às formas virchowvianas. O presente texto sistematizado apresenta de forma crítica achados de várias investigações acerca da cascata imunológica, fenômeno de morte celular e de regneração em lesões cutâneas da doença de Hansesn, a fim de caracterizar os fatores chaves na resposta do hospedeiro frente ao bacilo, bem como a identificar novos agentes envolvidos em sua patogenia. Nossos resultados apontam que vários fatores participam nesse processo, tais como, endotélio vascular, IL-22, Il-17, TGF-beta, linfócitos T reguladores, macrófagos, família JAK/STAT, assim como o fenômeno de apoptose e o fator de crescimento do nervo (NGF). Identificamos a expressão de novos perfis de resposta imunológica que provavelmente participam de forma efetiva no processo, como o perfis TH22 e TH17. A família JAK/STAT parece estar envolvida com a gênese de um perfil TH1. O TGF-beta e os linfócitos T reguladores, assim como o fenômeno de apoptose, parecem estar envolvidos no controle da resposta imunológica. Os achados apresentados em nosso trabalho têm sugerido que o NGF e o TGF-beta participam de forma efetiva na cascata de respostasregenerativas frente à infecção e à resposta imunológica. Provavelmente muitos outros fatores estão envolvidos na elaboração da resposta imunológica na hanseníase, a identificação de subpopulações de linfócitos e macrófagos, bem como a caracterização de alvos imunogenéticos, são frentes de investigação que certamente contribuirão para a elucidação da complexa imunopatogênese da doença de Hansen
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 11.08.2015

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      QUARESMA, Juarez Antonio Simões. Contribuição para o estudo da imunopatologia da doença de Hansen. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015.
    • APA

      Quaresma, J. A. S. (2015). Contribuição para o estudo da imunopatologia da doença de Hansen. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Quaresma JAS. Contribuição para o estudo da imunopatologia da doença de Hansen. 2015 ;
    • Vancouver

      Quaresma JAS. Contribuição para o estudo da imunopatologia da doença de Hansen. 2015 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020