Exportar registro bibliográfico

Grupo de promoção à saúde: revendo práticas para o fortalecimento da atenção básica (2015)

  • Authors:
  • Autor USP: ROSA, TERESA CRISTINA PINTO - EERP
  • Unidade: EERP
  • Subjects: PROMOÇÃO DA SAÚDE; ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE; SAÚDE DA FAMÍLIA
  • Keywords: Family health; Health promotion; Primary health care
  • Language: Português
  • Abstract: O objetivo geral deste estudo foi caracterizar e analisar as práticas desenvolvidas pelos grupos de promoção à saúde do Centro de Saúde Escola (CSE) Vila Tibério como estratégia de fortalecimento da atenção básica. Como objetivos específicos, elegemos: descrever a dinâmica de funcionamento destes grupos realizados no CSE com ênfase na caracterização sociodemográfica dos integrantes; analisar as ações desenvolvidas nos grupos de promoção à saúde na ótica dos seus participantes; identificar e analisar os registros no CSE Vila Tibério e no nível central da Secretaria Municipal de Saúde de Ribeirão Preto que oficializam o trabalho prático do desenvolvimento dos grupos de promoção. O referencial teórico utilizado foi o da promoção da saúde com análise temática, que compreendeu os seguintes fundamentos: a equidade, a autonomia, a participação social, a intesetorialidade, a sustentabilidade e a integralidade. O estudo é de abordagem qualitativa de natureza descritiva e utilizou como instrumento de coleta de dados entrevista semiestruturada, grupo focal e fonte documental. Elegemos como sujeitos pessoas que participavam dos grupos de promoção de saúde maiores de 18 anos, com frequência mínima de 06 meses nesses grupos e um técnico da Secretaria Municipal da Saúde de Ribeirão Preto com atuação no sistema de informação. Na caracterização dos sujeitos participantes do grupo focal, encontramos 93,75% do sexo feminino e 68,7% foi a faixa etária de maiores de 60 anos. Quanto à escolaridade, 43,8% possuíam ensino médio completo e, sobre o tempo de participação nos grupos de promoção, identificamos 53,6% que referiram frequentar os grupos num período de 02 a 05 anos. A partir do referencial teórico proposto, passamos a analisar como os fundamentos da promoção da saúde estavam presentes na ótica dos participantes do grupo focal e, nesse movimento de articular oreferencial teórico e os depoimentos dos participantes do grupo focal, elegemos a categoria empírica modelo de assistência e esta foi sustentada a partir de unidades temáticas que emergiram da análise, sendo elas: integralidade; participação social; sustentabilidade; intersetorialidade e equidade. Em relação ao sistema de informação, analisamos que o mesmo privilegia a produtividade quantitativa em saúde. Assim, não oportuniza o sentido desses registros para os profissionais que trabalham com grupos de promoção. Consideramos que os grupos de promoção à saúde podem contribuir como uma prática em direção à mudança de modelo assistencial; para o fortalecimento da atenção primária à saúde como principal porta de entrada do Sistema Único de Saúde, utilizando-se de premissas da estratégia de Saúde da Família; e para favorecer a adesão e o vínculo da comunidade aos serviços de saúde, principalmente através dos agentes comunitários de saúde. Os grupos de promoção à saúde também poderão compor de maneira sistematizada as ações na agenda de serviços da atenção básica de saúde de forma que sua produção seja incluída nos setores de informação e resulte, além de maior visibilidade do trabalho, uma importante ferramenta na composição do financiamento para a gestão municipal de saúde
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 25.09.2015
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ROSA, Teresa Cristina Pinto; BRIENZA, Adriana Mafra. Grupo de promoção à saúde: revendo práticas para o fortalecimento da atenção básica. 2015.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22134/tde-06012016-130331/ >.
    • APA

      Rosa, T. C. P., & Brienza, A. M. (2015). Grupo de promoção à saúde: revendo práticas para o fortalecimento da atenção básica. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22134/tde-06012016-130331/
    • NLM

      Rosa TCP, Brienza AM. Grupo de promoção à saúde: revendo práticas para o fortalecimento da atenção básica [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22134/tde-06012016-130331/
    • Vancouver

      Rosa TCP, Brienza AM. Grupo de promoção à saúde: revendo práticas para o fortalecimento da atenção básica [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22134/tde-06012016-130331/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021