Exportar registro bibliográfico

Perfil microbiológico da colonização do sítio de inserção do cateter venoso central (2015)

  • Authors:
  • Autor USP: PEREIRA, GABRIELA LEVORATO - EERP
  • Unidade: EERP
  • Sigla do Departamento: ERG
  • Subjects: MICROBIOLOGIA; CATETERISMO VENOSO CENTRAL; ANTISSÉPTICOS
  • Keywords: Central venous catheter; Colonização; Colonization; Curativo; Dressing; Insertion site; Microbiological profile; Perfil microbiológico; Sítio de inserção
  • Language: Português
  • Abstract: O uso do Cateter Venoso Central (CVC) viabiliza a assistência de alta complexidade aos pacientes críticos. Contudo, as infecções desses cateteres demonstram uma associação com a migração dos microrganismos da pele do local de inserção até a ponta do cateter. A utilização de novas tecnologias para reduzir a colonização cutânea no sítio de inserção do cateter reforça a questão da antissepsia cutânea e a sugestão do curativo adequado a esta região. As recomendações do Centers for Disease Control and Prevention (CDC) apontam como uma opção de curativo o uso da cobertura de filme transparente de poliuretano (FTP) que protege e facilita a visualização do sítio de inserção. Contudo, o uso do curativo gel de clorexidina (CGCHX), vem apresentado uma resposta superior na prevenção dessas colonizações e infecções. Diante do exposto, propôs-se identificar por meio de um estudo de corte transversal prospectivo, os microrganismos presentes no swab de pele após o uso do CGCHX e do FTP, no momento da retirada do CVC. Fizeram parte do estudo um total de 92 pacientes, destes 45 pacientes em uso do CGCHX e 47 utilizaram FTP, em ambos os grupos, a faixa etária foi em média 60 anos, declararam-se brancos e não houve diferença significativa entre o número de homens e mulheres. A escolha do sítio de inserção preferencial foi a veia jugular interna direita. Houve o crescimento em 13 amostras de Swabs no grupo do CGCHX os microrganismos encontrados foram Acinetobacter baumannii, Pseudomonas aeruginosa, Morganella morganii, Enterobater cloacae, Staphylococcus aereus e Staphylococcus epidermidis. O Staphylococcus aereus apresentou resistência a oxacilina, o que podemos sugerir a possibilidade de uma cepa MRSA. Quanto ao FTP foram seis amostras positivas com o crescimento de Serratia marcescens, Acinetobacter baumannii, Klebsiella pneumoniae, Staphylococcus epidermidis eStaphylococcus haemolyticus. A presença da Klebsiella pneumoniae sensível somente a amicacina sugere a possibilidade da cepa Klebsiella pneumoniae carbapenemas (KPC). Apesar dos achados evidenciarem um número maior de crescimento bacteriano no curativo gel de CHX, este estudo pode contribuir para o olhar e desenvolvimento de novos trabalhos para a nossa população, levando em consideração nosso clima e tipo de pele, como também a importância de medidas educativas permanentes no treinamento da equipe de saúde nos centros onde as novas tecnologias são implementadas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 25.09.2015
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PEREIRA, Gabriela Levorato; SILVEIRA, Renata Cristina de Campos Pereira. Perfil microbiológico da colonização do sítio de inserção do cateter venoso central. 2015.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-22122015-134816/ >.
    • APA

      Pereira, G. L., & Silveira, R. C. de C. P. (2015). Perfil microbiológico da colonização do sítio de inserção do cateter venoso central. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-22122015-134816/
    • NLM

      Pereira GL, Silveira RC de CP. Perfil microbiológico da colonização do sítio de inserção do cateter venoso central [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-22122015-134816/
    • Vancouver

      Pereira GL, Silveira RC de CP. Perfil microbiológico da colonização do sítio de inserção do cateter venoso central [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-22122015-134816/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020