Exportar registro bibliográfico


Metrics:

Assistência humanizada na terapia intensiva neonatal: ações e limitações do enfermeiro (2015)

  • Authors:
  • Autor USP: ROSSATO, LISABELLE MARIANO - EE
  • Unidade: EE
  • DOI: 10.15600/2238-1244/sr.v15n40p67-84
  • Subjects: HUMANIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA; RECÉM-NASCIDO; UNIDADES DE TERAPIA INTENSIVA; ENFERMAGEM NEONATAL
  • Language: Português
  • Abstract: O estudo objetivou compreender a experiência do enfermeiro de Unidade de Terapia Intensiva Neonatal em relação às suas ações e limitações frente a uma assistência humanizada ao neonato/família; conhecer as estratégias empregadas por ele diante das limitações e compreender o significado dessas estratégias. Trata-se de estudo qualitativo utilizado como referencial metodológico à Teoria Fundamentada nos Dados, pautada no referencial te- órico do Interacionismo Simbólico. Os sujeitos da pesquisa foram constitu- ídos por sete enfermeiras que trabalhavam na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal. Após a análise dos dados, surgiram três categorias: Assistindo o neonato de forma humanizada; Percebendo Limitações para prestar uma Assistência Humanizada ao Neonato/Família; Propondo Estratégias diante das Limitações para uma Assistência Humanizada. Para as enfermeiras, assistir o neonato de forma humanizada engloba um conjunto de ações como: confortando e acolhendo o neonato e a sua família; ampliando o horário de visita do familiar e permitindo aos pais participarem do cuidado ao neonato. Porém, há uma diversidade de limitações que dificultam a viabilização dessas ações como a escassez de recursos humanos, a hierarquia entre médicos e enfermeiros, o espaço limitado e os horários restritos de visita dos pais e familiares. Torna-se, portanto, urgente uma maior conscientização e sensibilização da equipe de saúde e da instituição em relação à implementação de práticas que promovam o cuidado humanizado.
  • Imprenta:
  • Source:
  • Acesso à fonteDOI
    Informações sobre o DOI: 10.15600/2238-1244/sr.v15n40p67-84 (Fonte: oaDOI API)
    • Este periódico é de assinatura
    • Este artigo NÃO é de acesso aberto
    • Cor do Acesso Aberto: closed

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ROCHA, Maria Cristina Pauli da; CARVALHO, Maeline Santos Morais; FOSSA, Angela Márcia; ROSSATO, Lisabelle Mariano. Assistência humanizada na terapia intensiva neonatal: ações e limitações do enfermeiro. Saúde em revista, Piracicaba, v. 15, n. 40, p. 67-84, 2015. Disponível em: < https://www.metodista.br/revistas/revistas-unimep/index.php/saude/article/view/2534/1476 > DOI: 10.15600/2238-1244/sr.v15n40p67-84.
    • APA

      Rocha, M. C. P. da, Carvalho, M. S. M., Fossa, A. M., & Rossato, L. M. (2015). Assistência humanizada na terapia intensiva neonatal: ações e limitações do enfermeiro. Saúde em revista, 15( 40), 67-84. doi:10.15600/2238-1244/sr.v15n40p67-84
    • NLM

      Rocha MCP da, Carvalho MSM, Fossa AM, Rossato LM. Assistência humanizada na terapia intensiva neonatal: ações e limitações do enfermeiro [Internet]. Saúde em revista. 2015 ; 15( 40): 67-84.Available from: https://www.metodista.br/revistas/revistas-unimep/index.php/saude/article/view/2534/1476
    • Vancouver

      Rocha MCP da, Carvalho MSM, Fossa AM, Rossato LM. Assistência humanizada na terapia intensiva neonatal: ações e limitações do enfermeiro [Internet]. Saúde em revista. 2015 ; 15( 40): 67-84.Available from: https://www.metodista.br/revistas/revistas-unimep/index.php/saude/article/view/2534/1476


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021