Exportar registro bibliográfico

Avaliação da memória no modelo animal de perimenopausa (2015)

  • Authors:
  • Autor USP: GOMES, NATHALI - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RFI
  • Subjects: MEDO; MEMÓRIA; PROGESTERONA; OVÁRIO; ENVELHECIMENTO
  • Language: Português
  • Abstract: A perimenopausa é um período de transição que antecede a menopausa, caracterizada por alterações neuroendócrinas, metabólicas e comportamentais resultantes do processo de envelhecimento ovariano. Em roedores, o diepóxido de 4-vinilciclohexeno (VCD) mimetiza esse período de transição por diminuir gradualmente o número de folículos primordiais levando ao declínio progressivo nas concentrações plasmáticas dos esteróides sexuais. Sabe-se que os hormônios ovarianos influenciam fortemente a neurobiologia da memória, e um dos sintomas mais proeminentes relatados durante a perimenopausa é o déficit cognitivo. O objetivo desse estudo foi investigar as memórias aversiva, de trabalho e espacial utilizando o modelo animal de perimenopausa induzida por VCD. Oitenta dias após o início do tratamento com veículo ou VCD (s.c.), os animais foram submetidos ao condicionamento contextual aversivo e 24h após foram novamente expostos ao estímulo condicionado (contexto aversivo). Foram analisadas as respostas comportamentais de medo (tempo de congelamento) e levantamentos. Os animais foram decapitados e o sangue colhido diretamente do tronco para dosagem de progesterona, corticosterona e prolactina, por radioimunoensaio. Um segundo grupo de animais tratados com VCD ou veículo foi submetido ao teste de reconhecimento de objeto, onde foram avaliados o índice de reconhecimento de objeto e atividade locomotora na arena. Posteriormente, os animais foram submetidos ao labirinto aquático de Morris (LAM), onde foram avaliadas latência, distância e velocidade média para encontrar a plataforma. Em ambos os grupos a porcentagem de congelamento foi maior no contexto aversivo, assim como o número de levantamentos e as concentrações plasmáticas de prolactina. Entretanto, não foram encontradas diferenças significativas entre as ratas controle e tratadas com VCD. No teste de reconhecimento de objetos, as ratastratadas com VCD exibiram melhor desempenho do que as ratas controle quando o teste foi realizado 3 horas após o treino. Além disso, os animais tratados com VCD apresentaram melhor desempenho no LAM oito dias após o teste, avaliadas pela latência de escape e distância percorrida. Essa melhora no desempenho pode estar relacionada ao declínio nos níveis plasmáticos de progesterona. Nossos achados sugerem que as funções cognitivas observadas em mulheres podem ser preservadas durante o processo de falência ovariana, podendo este déficit de memória ser primariamente decorrente do envelhecimento do sistema nervoso central associado ou não às alterações hormonais
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 26.06.2015

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      GOMES, Nathali; ANSELMO-FRANCI, Janete Aparecida. Avaliação da memória no modelo animal de perimenopausa. 2015.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2015.
    • APA

      Gomes, N., & Anselmo-Franci, J. A. (2015). Avaliação da memória no modelo animal de perimenopausa. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Gomes N, Anselmo-Franci JA. Avaliação da memória no modelo animal de perimenopausa. 2015 ;
    • Vancouver

      Gomes N, Anselmo-Franci JA. Avaliação da memória no modelo animal de perimenopausa. 2015 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020