Exportar registro bibliográfico

Estudo dos agentes de risco ocupacional e seus prováveis agravos na saúde humana (2015)

  • Authors:
  • Autor USP: ALVES, ALICE DOS SANTOS - IPEN
  • Unidade: IPEN
  • Subjects: RADIOPROTEÇÃO; RADIAÇÃO IONIZANTE; EXPOSIÇÃO OCUPACIONAL; RISCOS OCUPACIONAIS
  • Language: Português
  • Abstract: O objetivo principal deste estudo foi identificar e avaliar os agentes de risco e seus prováveis agravos à saúde humana no ambiente de uma instalação radiativa do IPEN-CNEN/SP, o Centro de Radiofarmácia, CR. O processo de trabalho dos servidores do CR inclui singularidades não existentes no processo de outras categorias profissionais. Pode-se citar como exemplos relevantes: exposição aos riscos físicos (radiações ionizantes), químicos (substâncias químicas envolvidas nos processos), biológicos (objetos contaminados), ergonômicos (situações causadoras de estresse) e de acidentes (incêndios e explosões). Trata-se de um estudo de caráter exploratório e descritivo com abordagem quanti-qualitativa. A amostra foi constituída por 102 trabalhadores da instalação distribuídos em seis grupos de trabalho. A coleta de dados transcorreu no período de abril de 2013 a julho de 2014, realizada por meio da aplicação de um questionário, entrevistas e observações. O processo de avaliação envolveu três etapas: 1) caracterização básica e avaliação da exposição ocupacional; 2) avaliação quanti-qualitativa do risco; 3) análise e interpretação dos dados. A organização, avaliação, interpretação e julgamento dos dados e resultados obtidos foram realizados de acordo com a estratégia de avaliação da exposição ocupacional proposta pela American Industrial Hygiene Association (AIHA). A análise estatística incluiu teste paramétrico ANOVA, testes não paramétricos, entre outros. Em relação à exposição dosagentes de risco relacionados aos processos considerou-se que os oito grupos homogêneos de exposição recebem as exposições a uma gama específica de agentes. No ambiente laboral do CR foram identificados dezessete agentes de risco. O principal agente de risco físico observado na instalação foi as radiações ionizantes. Na análise final, não foi registrado agravos à saúde dos trabalhadores decorrentes dos agentes de risco identificados e relacionados aos processos realizados. A Equipe de Radioproteção do CR e a equipe de segurança física do IPEN atuam em concordância com os procedimentos operacionais estabelecidos e com as normas nacionais e quando necessário introduzem novos mecanismos para a mitigação do risco ocupacional visando o bem estar do trabalhador
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 15.09.2015
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ALVES, ^Alice^dos^Santos; CARNEIRO, Janete Cristina Gonçalves Gaburo. Estudo dos agentes de risco ocupacional e seus prováveis agravos na saúde humana. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/85/85131/tde-17112015-102950/ >.
    • APA

      Alves, ^A. ^dos^S., & Carneiro, J. C. G. G. (2015). Estudo dos agentes de risco ocupacional e seus prováveis agravos na saúde humana. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/85/85131/tde-17112015-102950/
    • NLM

      Alves ^A^dos^S, Carneiro JCGG. Estudo dos agentes de risco ocupacional e seus prováveis agravos na saúde humana [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/85/85131/tde-17112015-102950/
    • Vancouver

      Alves ^A^dos^S, Carneiro JCGG. Estudo dos agentes de risco ocupacional e seus prováveis agravos na saúde humana [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/85/85131/tde-17112015-102950/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021