Exportar registro bibliográfico

Disciplina escolar e disciplina fabril: educação e formação da classe operária nacional nos anos 1930 e 1940 (2015)

  • Authors:
  • Autor USP: SANTIAGO, DERICK CASAGRANDE - FE
  • Unidade: FE
  • Subjects: HISTÓRIA DO BRASIL; OPERARIADO (FORMAÇÃO); EDUCAÇÃO ESCOLAR
  • Keywords: Educação; Educação escolar; Disciplina; Governo Vargas; Classe operária; Education; School education; Discipline; Vargas government; Working class
  • Language: Português
  • Abstract: A presente pesquisa aborda a educação brasileira frente ao processo de modernização da sociedade. Seu objeto de estudo consiste, especificamente, na dimensão ocupada pela educação escolar quanto à formação da classe operária nacional durante o governo Vargas (1930-1945). Tratando-se de um período que condiz com mudanças observadas nas esferas política, econômica e social do país, faz-se necessária uma abordagem do contexto histórico que enfatize as propostas e ações desempenhadas na esfera educacional. Considera-se, dessa forma, que a educação escolar deve ser analisada conjuntamente com aqueles fatores que implicam em sua organização e dinâmica. Sua realização está baseada em literatura acerca da relação entre Estado, sociedade e educação, após a proclamação da República e, mais especificamente, nas décadas de 1930 e 1940. Recorreu-se também à análise de documentos oficiais da época concernentes à educação e à criação e regulamentação de instituições, como os textos relativos às reformas educacionais promulgadas em 1931 e em 1942 e às Constituições (1934 e 1937), ao Manifesto dos Pioneiros da Educação Nova (1932), à Escola Livre de Sociologia e Política de São Paulo (1933) e à Fundação Getúlio Vargas (1944). Destaca-se, o papel exercido pelo Estado como agente capaz de promover o projeto de modernização por, além da sua intervenção em diferentes esferas da sociedade, promover outra formação escolar à sociedade para consolidar a ordem social emergente. A adequação do ensinoàs novas necessidades é apontada pelo esforço para organizá-lo nacionalmente a partir da criação do Ministério da Educação e Saúde Pública e das reformas por ele executadas em seus diferentes níveis. Se, por um lado, exigia-se a formação de uma classe trabalhadora apta à produção sob a lógica racional do trabalho, por outro, havia a preocupação com a formação de uma classe dirigente capacitada para conduzir e coordenar as ações econômicas, além de ocupar altos cargos hierárquicos na burocracia privada e estatal
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.09.2015
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SANTIAGO, Derick Casagrande; BRUNO, Lucia Emilia Nuevo Barreto. Disciplina escolar e disciplina fabril: educação e formação da classe operária nacional nos anos 1930 e 1940. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-19112015-124522/ >.
    • APA

      Santiago, D. C., & Bruno, L. E. N. B. (2015). Disciplina escolar e disciplina fabril: educação e formação da classe operária nacional nos anos 1930 e 1940. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-19112015-124522/
    • NLM

      Santiago DC, Bruno LENB. Disciplina escolar e disciplina fabril: educação e formação da classe operária nacional nos anos 1930 e 1940 [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-19112015-124522/
    • Vancouver

      Santiago DC, Bruno LENB. Disciplina escolar e disciplina fabril: educação e formação da classe operária nacional nos anos 1930 e 1940 [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-19112015-124522/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020