Exportar registro bibliográfico

The conceptual evolution of inflation inertia in Brazil (2015)

  • Authors:
  • Autor USP: CARVALHO, ANDRé RONCAGLIA DE - FEA
  • Unidade: FEA
  • Sigla do Departamento: EAE
  • Subjects: INFLAÇÃO; CONFLITO SOCIAL; ESTRUTURALISMO; ESTABILIZAÇÃO ECONÔMICA
  • Keywords: Inertial inflation; Inflação inercial - História -1980 - Brasil; Inflation inertia - Brazil
  • Language: Português
  • Abstract: O presente trabalho busca contribuir para a literatura de história do pensamento econômico brasileiro, ao estudar a transformação do conceito de inércia inflacionária no Brasil desde os debates sobre estabilização na década de 1980 até o período pós-Real, mudança essa que permanece inexplicada pela literatura. Mais precisamente, o trabalho busca verificar a hipótese de que a inflação inercial não passou de um episódio de uma longa tradição de adaptações teóricas de influências oriundas de economistas estrangeiros, em especial na década de 1970, quando a hipótese de uma inflação inercial foi levantada. Nossa narrativa revela que o fenômeno da rigidez inflacionária já havia sido previamente compreendido e teorizado nos debates na América Latina, nas décadas de 1950 e 1960, quando inúmeras contribuições foram eventualmente sintentizadas no modelo de rendas contratuais sob inflação no formato de \"dente-de-serra\", ou o assim chamado mecanismo Simonsen-Pazos. A narrativa adota a controvérsia entre monetaristas e estruturalistas em seus dois momentos como eixo da análise, para mostrar como o desaparecimento dessa oposição coincide com a emergência do consenso macroeconômico em escala internacional. Baseando-se em uma análise cuidadosa e detalhada das contribuições dos economistas neo-estruturalistas da PUC-Rio e da onipresente influência de Simonsen como um sintetizador das contenciosas escolas, o trabalho apresenta evidências documentais de uma transformação estruturalista dasegunda geração. Ao longo dos anos 1980, esses economistas gradualmente convergiram para uma abordagem mais ecumênica com relação aos monetaristas, reduzindo a importância do componente inercial da inflação e ampliando a relevância de aspectos usualmente associados à ortodoxia econômica. Finalmente, no período pós-Real, passa a predominar no país um conceito de inércia inflacionária que constrasta com a visão anterior dos economistas atuando no referido plano de estabilização. Esse novo conceito está associado à emergência da \"nova síntese neoclássica\", na qual a inércia é compreendida como o atraso na resposta dos níveis de preço a choques monetários ou reais, enquanto o conceito de persistência inflacionária representa desvios duradouros da inflação com relação ao seu nível de equilíbrio. Para compreender se essa mudança pode ser considerada uma ruptura com relação ao passado, analisam-se os artigos que circularam nos bastidores do Plano Real dentro da equipe econômica. Nosso trabalho conclui que há elementos de continuidade entre os dois momentos no que se refere ao conceito de inércia, os quais aparecem agora com uma representação analítica desprovida da substância histórica e institucional que o conceito outrora abarcava
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 17.07.2015
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CARVALHO, André Roncaglia de; DUARTE, Pedro Garcia. The conceptual evolution of inflation inertia in Brazil. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/12/12140/tde-30092015-161420/ >.
    • APA

      Carvalho, A. R. de, & Duarte, P. G. (2015). The conceptual evolution of inflation inertia in Brazil. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/12/12140/tde-30092015-161420/
    • NLM

      Carvalho AR de, Duarte PG. The conceptual evolution of inflation inertia in Brazil [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/12/12140/tde-30092015-161420/
    • Vancouver

      Carvalho AR de, Duarte PG. The conceptual evolution of inflation inertia in Brazil [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/12/12140/tde-30092015-161420/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020