Exportar registro bibliográfico

A relação entre conhecimento implícito e explícito em atividades de uso do dicionário no programa ler e escrever  (2015)

  • Authors:
  • Autor USP: MACEDO, GABRIELA MENDONçA DE - IP
  • Unidade: IP
  • Sigla do Departamento: PSA
  • Subjects: CONHECIMENTO; FONOLOGIA; MORFOLOGIA (LINGUÍSTICA); ORTOGRAFIA; SINTAXE; DICIONÁRIOS
  • Keywords: Conhecimento explícito; Conhecimento implícito; Explicit knowledge; Implicit knowledge
  • Language: Português
  • Abstract: O presente trabalho tem por objetivo analisar a relação entre conhecimento implícito e explícito em quatro atividades de Língua Portuguesa propostas no material didático do Programa Ler e Escrever. Esse programa orienta práticas de alfabetização em escolas municipais e estaduais do Estado de São Paulo, desde 2007. Buscou-se verificar a presença e o tratamento dado a quatro instâncias linguísticas fonológica, morfológica, sintática e ortográfica nas atividades que compõem a sequência didática Dicionário o pai dos inteligentes, proposta no Caderno Guia de Planejamento e Orientações Didáticas professor 2a série, Volume I. Essa sequência tem como objetivo possibilitar que o aluno aprenda a utilizar dicionários com autonomia, o que implica reconhecer esses livros como representantes de um gênero textual, apropriando-se de suas finalidades e funcionamento. Para a realização da análise foram descritos os objetivos, planejamento e encaminhamento de cada atividade, procurando-se, nesse contexto, identificar os conhecimentos linguísticos presentes em cada etapa, em relação às quatro instâncias mencionadas, tendo-se como foco seus níveis de explicitação. Constatou-se que não há menção explícita às quatro instâncias linguísticas nas orientações e encaminhamentos didáticos quanto às atividades analisadas. A hipótese que justifica a contribuição do presente trabalho é que se professores que orientam e encaminham tais atividades conhecerem tal explicitação eles poderão ter maisintencionalidade e realizar questionamentos que otimizem seu fazer pedagógico. Disso se conclui que, ainda que na etapa da escolarização correspondente ao terceiro ano do Ensino Fundamental os alunos não necessitem da explicitação dos conhecimentos linguísticos relacionados à fonologia, morfologia, ortografia e sintaxe, professores conhecendo esses conteúdos podem promover um ensino da língua com maior nível de intencionalidade e, portanto, qualidade
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 22.05.2015
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MACEDO, Gabriela Mendonça de; PAULA, Fraulein Vidigal de. A relação entre conhecimento implícito e explícito em atividades de uso do dicionário no programa ler e escrever . 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47131/tde-29092015-173007/ >.
    • APA

      Macedo, G. M. de, & Paula, F. V. de. (2015). A relação entre conhecimento implícito e explícito em atividades de uso do dicionário no programa ler e escrever . Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47131/tde-29092015-173007/
    • NLM

      Macedo GM de, Paula FV de. A relação entre conhecimento implícito e explícito em atividades de uso do dicionário no programa ler e escrever  [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47131/tde-29092015-173007/
    • Vancouver

      Macedo GM de, Paula FV de. A relação entre conhecimento implícito e explícito em atividades de uso do dicionário no programa ler e escrever  [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47131/tde-29092015-173007/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021