Exportar registro bibliográfico

Estratégias para a minimização da emissão de CO2 de concretos estruturais (2015)

  • Authors:
  • USP affiliated author: OLIVEIRA, VANESSA CARINA HEINRICHS CHIRICO - EP
  • School: EP
  • Sigla do Departamento: PCC
  • Subjects: SUSTENTABILIDADE; DIÓXIDO DE CARBONO; CONCRETO; CIMENTO PORTLAND
  • Language: Português
  • Abstract: A maior parte das emissões de CO2 do concreto origina-se na produção do cimento. A estratégia tradicional de minimização da pegada de CO2 tem privilegiado o grau de substituição do clínquer. O trabalho examina o impacto dessa estratégia e também a influência da escolha do fornecedor de cimento sob a ótica de sua matriz energética, a variação do consumo de cimento para concretos e mesma resistência e do desvio padrão do processo produtivo de acordo com o controle do processo de produção do concreto. O método de trabalho inclui dados de revisão bibliográfica, normalização técnica e dados de central de concreto. O objetivo do trabalho é analisar o impacto de diferentes variáveis na pegada de CO2 do concreto estrutural e fornecer subsídios à cadeia produtiva de concreto para minimização da emissão de CO2 dos produtos. A estratégia tradicional de escolha do tipo de cimento baseando-se em seu teor de clínquer mostra-se insuficiente, pois há uma grande variação e sobreposição dos teores de clínquer permitidos nas normas técnicas brasileiras. No momento atual estima-se que a indústria cimenteira utilize praticamente toda a escória de alto forno gerada no país e a quase totalidade das cinzas de melhor qualidade. Dessa forma, aumentando a demanda de cimento, a produção de clínquer aumenta, e o teor de adições no clínquer diminui dentro das extensas faixas permitidas pelas normas técnicas. Nesse cenário, a seleção de um tipo de cimento em detrimento de outro não traz necessariamente benefícios ambientais para o país, embora possa reduzir o impacto de uma obra específica. A troca da matriz energética por carvão vegetal de madeira de florestas plantadas pode minimizar a parcela de emissões provenientes de combustíveis do cimento.A eficiência do processo de formulação apresenta grande potencial para diminuir a quantidade de cimento utilizada no concreto, diminuindo, assim, as emissões totais de CO2 do concreto. A influência do desvio padrão das condições de produção apresenta potencial menor para a diminuição das emissões, embora ainda seja uma alternativa. A combinação das quatro estratégias estudadas demonstra a complexidade da emissão do concreto e o grande potencial para mitigar suas emissões de CO2. A necessidade de informações específicas sobre a emissão dos cimentos, seu teor de clínquer e sua matriz energética, uma técnica de dosagem otimizada e um controle das condições de produção do concreto demonstram que há, tanto para fornecedores de matérias primas do concreto quanto para os usuários e produtores do concreto, muito a ser feito para minimizar as emissões deste material tão consumido.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.05.2015
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      OLIVEIRA, Vanessa Carina Heinrichs Chirico; AGOPYAN, Vahan. Estratégias para a minimização da emissão de CO2 de concretos estruturais. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3146/tde-25072016-144256/pt-br.php >.
    • APA

      Oliveira, V. C. H. C., & Agopyan, V. (2015). Estratégias para a minimização da emissão de CO2 de concretos estruturais. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3146/tde-25072016-144256/pt-br.php
    • NLM

      Oliveira VCHC, Agopyan V. Estratégias para a minimização da emissão de CO2 de concretos estruturais [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3146/tde-25072016-144256/pt-br.php
    • Vancouver

      Oliveira VCHC, Agopyan V. Estratégias para a minimização da emissão de CO2 de concretos estruturais [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3146/tde-25072016-144256/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020