Exportar registro bibliográfico

Resposta específica aos antígenos da vacina bivalente anti-HPV em homens infectados pelo HIV-1 (2014)

  • Authors:
  • Autor USP: FONTES, ADRIELE SOUZA - IMT
  • Unidade: IMT
  • Subjects: HPV; HIV; VACINAS
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: A infecção pelo Papiloma Virus Humano (HPV) vem sendo reportada como uma das doenças sexualmente transmissíveis com maior incidência na atualidade, porém a sua prevalência não é bem esclarecida em homens, principalmente devido a baixa presença de sintomas. Além disso, poucos estudos foram realizados nesta população até o momento para verificar a resposta imune pósvacinação. As hipóteses testadas serão fundamentais para aprofundar o conhecimento da imunopatogênese, da resposta vacinal em pacientes infectados pelo HIV e colaborar no desenho e estratégias de vacinação anti-HPV na população infectada pelo HIV Objetivos: Analisar a resposta específica aos antígenos da vacina anti-HPV em homens infectados pelo HIV. Métodos: Um total de 24 pacientes infectados pelo HIV que preencheram os critérios de inclusão durante o período de coleta foram vacinados pela vacina anti-HPV bivalente em três doses nos períodos: zero, dois e seis meses. Os grupos foram divididos em: Grupo Controle (Cinco indivíduos sadios, com sorologia negativa para HIV); Grupo A (Nove pacientes com CD4 <500 celulas mm³); Grupo B (10 pacientes com CD4 ≥500 celulas mm³). Foram realizados ELISA para a detecção de anticorpos Anti-HPV nos momentos pré e pósvacinação nos grupos estudados; posteriormente realizamos nos mesmos o ensaio de cultura celular para detecção de citocinas (IFN, IL17, TNF, IL6 e IL10) pela técnica de CBA . Resultados: Obtivemos soroconversão da primeira dose da vacina para o grupo A 55,6%, grupo B 30%, grupo controle 60%; na segunda dose obtivemos para o grupo A 88,8%, grupo B 80%, grupo controle 80%, e por final a terceira dose no grupo A 88,8%, grupo B 90%, grupo controle 100%. A citocina IL 6 (perfil TH2) demonstrou níveis mais elevados, comparados entre os grupos A, B e grupo controle (p<0.001).A partir da 3° dose da vacinação observamos baixos níveis de INF-γ (perfil TH1) A e B (p<0.0006). O grupo controle apresentou produção de INF- γ quando comparado com grupos A e B (p<0.001). Conclusão: Os pacientes soropositivos e grupo controle foram respondedores a vacinação anti-HPV. Foi demonstrada uma elevada produção das citocinas entre os grupos sugerindo uma imunomodulação do grupo HIV+. Esse trabalho apresenta informações relevantes que estimulam a realização de novos estudos nessa população, avaliações de reações cruzada da vacina que pode resultar em proteção a outros tipos de HPV não presentes na vacina, além de analisar por mais tempo as titulações no soro desses pacientes. Os dados do nosso estudo podem corroborar para a vacinação nessa população, diminuindo assim o risco de uma infecção, mortalidade e morbidade das doenças causadas pelo HPV em homens.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 18.08.2014

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FONTES, Adriele Souza; CASSEB, Jorge Simão do Rosário. Resposta específica aos antígenos da vacina bivalente anti-HPV em homens infectados pelo HIV-1. 2014.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2014.
    • APA

      Fontes, A. S., & Casseb, J. S. do R. (2014). Resposta específica aos antígenos da vacina bivalente anti-HPV em homens infectados pelo HIV-1. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Fontes AS, Casseb JS do R. Resposta específica aos antígenos da vacina bivalente anti-HPV em homens infectados pelo HIV-1. 2014 ;
    • Vancouver

      Fontes AS, Casseb JS do R. Resposta específica aos antígenos da vacina bivalente anti-HPV em homens infectados pelo HIV-1. 2014 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021