Exportar registro bibliográfico

Análise do material particulado atmosférico em uma região de São Carlos-SP (2015)

  • Authors:
  • Autor USP: VÁLIO, VINÍCIUS MORI - EESC
  • Unidade: EESC
  • Sigla do Departamento: SHS
  • Subjects: QUALIDADE DO AR; PRECIPITAÇÃO ATMOSFÉRICA; SISTEMA RESPIRATÓRIO; SÃO CARLOS (SP)
  • Language: Português
  • Abstract: O presente trabalho avaliou a qualidade do ar de uma área central da cidade de São Carlos-SP, mais precisamente no campus 1 da Universidade de São Paulo. Nessa região há grande movimentação de pessoas e veículos, principalmente durante o horário comercial. Esta avaliação foi feita com base na determinação de um dos parâmetros utilizados para verificar a qualidade do ar, o material particulado (MP) inalável em suspensão, ou seja, partículas que possuem diâmetro aerodinâmico menor ou igual a 10 um e podem penetrar no sistema respiratório, sendo portanto, nocivas à saúde humana. O MP foi determinado em suas frações de 2,5 e 10 um de diâmetro (MP 10 e MP2,s). 'Duas metodologias diferentes foram utilizadas para determinar a concentração do material particulado em suspensão, fotometria por espalhamento de luz, através do equipamento ADR-1500 e gravimetria, através do PEM (Personal Enviromental Monitor). Os valores obtidos pelo método gravimétrico foram superiores aos resultados encontrados através da fotometria. As concentrações obtidas foram comparadas com os limites recomendados pela Organização Mundial da Saúde para o MP em suas frações de 2,5 e 10 um, iguais respectivamente a 25 e 50 ug/m '. Além do material particulado foram obtidos dados para temperatura, umidade relativa e precipitação. As médias obtidas para as concentrações de MPIO e MP2,s, com o método gravimétrico, o qual fornece os resultados mais confiáveis, foram iguais respectivamente a 48,8 e 23,1 ug/nr', muito próximas portanto, de seus limites correspondentes. As menores concentrações obtidas para o MP 10 foram, em sua maioria, verificadas em dias chuvosos, tanto através do PEM como do ADR. As concentrações de MP2,s, obtidas somente através do PEM, também apresentaram os menores valores em dias com chuva. Foi desenvolvido um modelo matemático que prevê o comportamento do MPIO durante asprecipitações, evento este que se mostrou o mais importante na influência da concentração de material particulado atmosférico
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.05.2015
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      VÁLIO, Vinícius Mori; MARRA JÚNIOR, Wiclef Dymurgo. Análise do material particulado atmosférico em uma região de São Carlos-SP. 2015.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-13082015-144101/pt-br.php >.
    • APA

      Válio, V. M., & Marra Júnior, W. D. (2015). Análise do material particulado atmosférico em uma região de São Carlos-SP. Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-13082015-144101/pt-br.php
    • NLM

      Válio VM, Marra Júnior WD. Análise do material particulado atmosférico em uma região de São Carlos-SP [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-13082015-144101/pt-br.php
    • Vancouver

      Válio VM, Marra Júnior WD. Análise do material particulado atmosférico em uma região de São Carlos-SP [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-13082015-144101/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021