Exportar registro bibliográfico

Estudo da utilidade da imagem de difusão quantitativa e da avaliação dinâmica pós-contraste por ressonância magnética na caracterização e determinação do prognóstico do adenocarcinoma ductal pancreático (2014)

  • Authors:
  • Autor USP: MAUAD, FERNANDO MARUM - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RCM
  • Subjects: PÂNCREAS; ADENOCARCINOMA; RESSONÂNCIA MAGNÉTICA
  • Language: Português
  • Abstract: Objetivo: Avaliar as características e as técnicas de difusão por ressonância magnética (DWI), através dos valores do coeficiente de difusão aparente (ADC) médio e ADC entropia, em adenocarcinomas pancreáticos ductais, com os graus histopatológicos, estadiamentos e sobrevida dos pacientes. Casuística e Métodos: Foram estudados 51 pacientes com adenocarcinoma de pâncreas, submetidos à ressecção cirúrgica com intenção curativa, comprovado por patologia, por meio de avaliações, retrospectivamente, dos exames de imagem, realizados em equipamento de Ressonância Magnética (RM) de 1,5T, com imagens de RM-DWI em b=0 e 1000 s/mm² e pelo grau de diferenciação dos adenocarcinomas. Para o estudo do ADC entropia utilizou-se o software gratuito (FireVoxel;https://files.nyu.edu/hr18/public/projects.html) para o cálculo dos valores, delimitando o volume de interesse (VOI) de toda a lesão, segundo a fórmula (-pị/log(pị). A diferença nos ADCs médio e entropia entre os tipos histológicos de adenocarcinomas pouco, moderadamente e bem diferenciado foi comparada por meio de análise do teste de Kruskall Wallis. Resultados: O valor dos ADCs tumoral foi significativamente mais baixo do que o do parênquima normal. Quando os adenocarcinomas foram subdivididos, de acordo com os graus de diferenciação, não se observou diferença significativa entre o ADC médio e o estadiamento, apenas tendência do grupo com estadiamento I (1,01 x 10ˉ³ mm²/s) em apresentar valores inferiores ao estadiamento II; e, este, semelhante ao estádio IV (1,11 x 10ˉ³ mm²/s). Porém, houve diferença significativa no grupo pouco diferenciado, com valores significativamente inferiores aos dos grupos de graus moderados e bem diferenciados (p<0,001 para ambos). O ADC entropia não apresentou diferença significativa quanto ao estadiamento e às diferenciações histológicas. Ambos os ADCs não demonstraram correlação com a sobrevida dos pacientes. Conclusão:Somente o estadimento apresentou diferença significativa na sobrevida (p<0,01) com o estadio I, diferença quase significativa em relação ao estádio II (p=0,07) e significativa em relação ao estádio IV (p<0,01). Quanto aos valores de ADC médio e ADC entropia, somente o primeiro difere para a histologia (p<0,01), enquanto o segundo apresentou relação para lesões definidas e quanto à sua localização (p=0,02 para ambos).
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 15.12.2014

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MAUAD, Fernando Marum; ELIAS JÚNIOR, Jorge. Estudo da utilidade da imagem de difusão quantitativa e da avaliação dinâmica pós-contraste por ressonância magnética na caracterização e determinação do prognóstico do adenocarcinoma ductal pancreático. 2014.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2014.
    • APA

      Mauad, F. M., & Elias Júnior, J. (2014). Estudo da utilidade da imagem de difusão quantitativa e da avaliação dinâmica pós-contraste por ressonância magnética na caracterização e determinação do prognóstico do adenocarcinoma ductal pancreático. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Mauad FM, Elias Júnior J. Estudo da utilidade da imagem de difusão quantitativa e da avaliação dinâmica pós-contraste por ressonância magnética na caracterização e determinação do prognóstico do adenocarcinoma ductal pancreático. 2014 ;
    • Vancouver

      Mauad FM, Elias Júnior J. Estudo da utilidade da imagem de difusão quantitativa e da avaliação dinâmica pós-contraste por ressonância magnética na caracterização e determinação do prognóstico do adenocarcinoma ductal pancreático. 2014 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020