Exportar registro bibliográfico

Análise dos resultados do tratamento cirúrgico da epilepsia do lobo frontal em um centro de referência brasileiro (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MARTINS, ANA PAULA PINHEIRO - FMRP
  • Unidades: FMRP
  • Sigla do Departamento: RNP
  • Subjects: EPILEPSIAS PARCIAIS; EPILEPSIA (CIRURGIA); CIRURGIA (RESULTADOS)
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: A epilepsia do lobo frontal (ELF) é o mais frequente tipo de epilepsia focal neocortical. Pacientes com ELF farmacorresistente apresentam, em geral, crises frequentes de alta morbidade. O lobo frontal é o maior e mais complexo lobo cerebral, apresentando diversas áreas eloquentes e vastas conexões intrínsecas e com outras regiões do cérebro. A ELF apresenta variados tipos semiológicos e padrões neurofisiológicos e é alvo relevante de estudo, posto que a complexidade desse tipo de epilepsia é um desafio diagnóstico que requer expertise na indicação e planejamento do tratamento cirúrgico. Objetivos: Caracterizar aspectos clínicos e neurofisiológicos de uma série de pacientes com ELF farmacorresistente, submetidos ao tratamento cirúrgico da epilepsia. O objetivo principal foi identificar fatores de risco independentes para controle de crises após a cirurgia. Pacientes e Métodos: Analisamos retrospectivamente 110 pacientes com ELF farmacorresistente (HCRP, FMRP-USP), submetidos ao tratamento cirúrgico da epilepsia entre 1994 e 2012. As monitorizações por VEEG e as avaliações multidisciplinares foram analisados. Os resultados do tratamento cirúrgico e os fatores independentes de risco para o controle das crises após a cirurgia foram identificados pelo modelo de Regressão Logística de Cox. Resultados: A idade dos pacientes quando da cirurgia variou de 1 a 52 anos (média=18,2; Desvio Padrão=12,7). Dezesseis pacientes (14.5%) não tinham lesões identificadas na ressonância magnética do encéfalo. As etiologias mais frequentes foram displasias corticais focais (53 pacientes, 48%), neoplasias e lesões sequelares. Nessa série, 45 (41%) pacientes ficaram livres de crises, num tempo médio de 7,9 (0,5-18,6) anos de seguimento. Os fatores clinicamente modificáveis para resultados cirúrgicos satisfatórios foram o “Tempo de Duração da Epilepsia” [O.R. (IC: 95%)=1.08; p=0.002] e a “Idade do Paciente quando daCirurgia” [O.R. (IC: 95%)=1.05; p=0.003]. Pacientes mais jovens e aqueles com menor tempo de duração da doença apresentaram melhor controle de crises. Pacientes com “Crises no Primeiro Mês do Período Pós-Operatório” tiveram um prognóstico pior a longo prazo [O.R. (IC: 95%)=6.61; p<0.0001]. Diagnósticos anátomo-patológicos de “Gliose” [O.R. (IC: 95%)=5.75; p=0.011] ou “Displasia Cortical Focal” [O.R. (IC: 95%)=3.91; p=0.03] se correlacionaram a resultados menos favoráveis. Atividade de base anormal no EEG [O.R. (IC: 95%)=1.93; p=0.03], atividade interictal e/ou ictal beta difusa e/ou Ritmo Recrutante Difuso [O.R. (IC: 95%)=1.82; p=0.041] evoluíram com controle de crises menos satisfatório. Presença de “Lesão Epileptogênica Envolvendo Córtex Cerebral Eloquente” correlacionou-se com resultados cirúrgicos menos favoráveis [O.R. (IC: 95%)=2.20; p=0.014]. Conclusões: O tratamento cirúrgico da ELF é opção terapêutica viável para pacientes com epilepsia farmacorresistente. Os preditores de resultado de tratamento cirúrgico favorável e clinicamente modificáveis encontrados foram o tempo de duração da doença e a idade do paciente quando da cirurgia. Isso sugere que, quanto mais precoce for o diagnóstico e o tratamento, maiores devem ser os benefícios para o pacientes.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 31.10.2014

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MARTINS, Ana Paula Pinheiro; SAKAMOTO, Americo Ceiki; BIANCHIN, Marino Muxfeldt. Análise dos resultados do tratamento cirúrgico da epilepsia do lobo frontal em um centro de referência brasileiro. 2014.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2014.
    • APA

      Martins, A. P. P., Sakamoto, A. C., & Bianchin, M. M. (2014). Análise dos resultados do tratamento cirúrgico da epilepsia do lobo frontal em um centro de referência brasileiro. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Martins APP, Sakamoto AC, Bianchin MM. Análise dos resultados do tratamento cirúrgico da epilepsia do lobo frontal em um centro de referência brasileiro. 2014 ;
    • Vancouver

      Martins APP, Sakamoto AC, Bianchin MM. Análise dos resultados do tratamento cirúrgico da epilepsia do lobo frontal em um centro de referência brasileiro. 2014 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020