Exportar registro bibliográfico

Jovens urbanos: estudo de caso de um programa social para jovens moradores da metrópole paulistana (2014)

  • Authors:
  • Autor USP: ANDRADE, ALINE SILVA DE - FE
  • Unidade: FE
  • Subjects: JOVENS; PERIFERIA; POLÍTICA SOCIAL; VULNERABILIDADE; MARGINALIDADE SOCIAL; MOBILIDADE SOCIAL; MOBILIDADE SOCIAL
  • Keywords: Jovens; Marginalidade social; Mobilidade social; Periferia (São Paulo); Política social; Pós-modernidade; Postmodernity; Social mobility; Social policies; Urban suburbs (São Paulo); Vulnerabilidade (Sociedade); Vulnerability (society); Youngsters
  • Language: Português
  • Abstract: O presente estudo oferece algumas pistas para a compreensão das atuais implicações entre juventude, cidade e políticas sociais por meio do estudo de caso de um programa social denominado Jovens Urbanos. Registram-se possíveis sentidos das ações públicas dirigidas a jovens pobres moradores das periferias urbanas e as possibilidades que essas ações são capazes de provocar e convergir para a garantia do direito à cidade. Contribui com o debate sobre a gestão de projetos e políticas sociais, exclusão socioespacial e seus impactos nos modos de vida juvenis e com estudos voltados a repensar modelos e metodologias de educação de jovens, assumindo a potência da cidade como espaço formativo. A metodologia proposta pelo Jovens Urbanos é marcadamente influenciada por teses contemporâneas que se debruçam sobre os efeitos da modernidade ou da pós-modernidade nos modos de pensar e agir atuais. O estudo é qualitativo e utilizou entrevistas como principal ferramenta de coleta de dados, das quais decorrem descrições de experiências de jovens egressos e de atores implicados na gestão da terceira edição do programa, realizada de 2007 a 2008, nos distritos de Grajaú e Lajeado. A interação entre uma fundação vinculada a um banco, organizações sociais locais, governos municipal e estadual e outras empresas públicas e privadas, promovida pelo Jovens Urbanos, anunciou desconfianças e esperanças. analisado o poder de contribuição que essa rede articulada teria no enfrentamento dos desafios dascidades e da juventude, partindo da compreensão de que a crise das cidades transcenderia os indicadores de pobreza e caos urbano, tratando-se, também, de uma crise política. Os indicadores de vulnerabilidade social, utilizados como critérios de medida para escolher os territórios de intervenção, são problematizados, revelando limites e alcances do programa. No tocante aos principais resultados da pesquisa, pode-se afirmar a primazia da cultura em relação à geografia: no Jovens Urbanos, a circulação e o acesso dos jovens aos espaços, artefatos e recursos da cidade seus principais objetivos estiveram colocados em função da ampliação do campo cultural e relacional dos jovens, não obstante o reconhecimento de que os jovens guardam, atualmente, maneiras distintas de sociabilidade e uso do espaço urbano, contestando teses de um possível confinamento socioespacial ao qual estariam submetidos. Ao optar pela cultura, o Jovens Urbanos opera um importante deslocamento: deixa de lado parcos conteúdos de preparo para o mercado de trabalho, amiúde dirigidos a jovens pobres, em prol da exploração, experimentação e produção de diferentes aportes culturais na cidade como sua grande diretriz. A participação no Jovens Urbanos configurou-se, para os atores envolvidos, uma experiência formativa, com rebatimentos (em diferentes medidas e significados) em suas opções de vida, sejam relativas a estudos, trabalho, relacionamento com as cidades ou com outros grupos e territórios de pertença, sejamconsigo mesmos. A superação da invisibilidade, por exemplo, figura nas narrativas dos jovens como a possibilidade de olhar e também ser visto, reconhecido, valorizado por seus pares, educadores e outros diferentes atores não-nativos presentes na cidade
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 09.09.2014
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ANDRADE, Aline Silva de; SCHILLING, Flavia Ines. Jovens urbanos: estudo de caso de um programa social para jovens moradores da metrópole paulistana. 2014.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-12022015-133503/ >.
    • APA

      Andrade, A. S. de, & Schilling, F. I. (2014). Jovens urbanos: estudo de caso de um programa social para jovens moradores da metrópole paulistana. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-12022015-133503/
    • NLM

      Andrade AS de, Schilling FI. Jovens urbanos: estudo de caso de um programa social para jovens moradores da metrópole paulistana [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-12022015-133503/
    • Vancouver

      Andrade AS de, Schilling FI. Jovens urbanos: estudo de caso de um programa social para jovens moradores da metrópole paulistana [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-12022015-133503/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021