Exportar registro bibliográfico

Perfil de segurança do uso de polivinilpirrolidona-iodo tópico como agente de pleurodese no tratamento do derrame pleural neoplásico (2015)

  • Authors:
  • USP affiliated author: ANDRADE NETO, JOSé DIAS - FM
  • School: FM
  • Sigla do Departamento: MCG
  • Subjects: PLEURODESE; DERRAME PLEURAL; EVENTO ADVERSO A MEDICAMENTO; TRATAMENTO DE EMERGÊNCIA (RESULTADOS); QUALIDADE DE VIDA
  • Keywords: Derrame pleural; Drug-related side effects and adverse reactions; Efeitos colaterais e reações adversas relacionadas a medicamentos; Pleural effusion; Pleurodese; Pleurodesis; Povidona-iodo; Povidone-iodine; Qualidade de vida; Quality of life; Resultado do tratamento; Treatment outcome
  • Language: Português
  • Abstract: INTRODUÇÃO: O polivinilpirrolidona-iodo (PVP-I) tópico vem sendo descrito como um agente esclerosante para pleurodese de fácil obtenção, baixo custo e com boa eficácia. Apesar disso, sua segurança ainda não foi estudada de maneira sistemática e alguns autores apresentam restrições ao seu uso por relatos de determinados eventos adversos. OBJETIVOS: descrever a ocorrência de eventos adversos sérios e comuns à pleurodese com PVP-I tópico. Avaliar se existe relação de dose-dependência na ocorrência dos eventos adversos; a efetividade clínica e a qualidade de vida dos pacientes. M >>TODOS: ensaio clínico envolvendo pacientes submetidos a pleurodese com PVP-I tópico, randomizados em dois grupos: grupo 1 com PVP-I tópico a 1% e grupo 2 com PVP-I tópico a 2%. A análise de segurança foi baseada na ocorrência de eventos adversos, graduados de acordo com o Common Terminology Criteria for Adverse Events. Foram realizadas avaliações clínicas e exames complementares no pré-operatório e em vários momentos do seguimento pós-operatório. Os dados clínicos avaliados foram dor, dispnéia, temperatura, pressão arterial, freqüência cardíaca, saturação de oxigênio e acuidade visual. Exames complementares envolveram hemograma, função renal, hepática e tireoidiana, eletrocardiograma e radiografia de tórax. A efetividade clínica foi determinada pela necessidade de procedimentos adicionais após a pleurodese e a qualidade de vida através de questionário específico. RESULTADOS: foram avaliados 60 pacientes, 30 em cada grupo.Predominou o sexo feminino, em 55 pacientes. A média de idade foi de 55,9 ± 11,7 anos. A etiologia mais comum do derrame pleural foi neoplasia de mama em 43 pacientes, seguida por neoplasia pulmonar e de ovário. Foram encontrados 47 eventos adversos sérios relacionados ao procedimento distribuídos em 34 pacientes nos primeiros 30 dias de avaliação. Foram eles: dor, em onze pacientes, hipertensão em dez, empiema em um, hiponatremia em oito pacientes, elevação da fosfatase alcalina, transaminase oxalacética e transaminase pirúvica em dez, três e um pacientes respectivamente e hipocalemia em um paciente. A taxa de sucesso foi de 96% e não houve mudança na qualidade de vida após o procedimento. Na comparação dos grupos não se observou diferença estatística em relação aos dados avaliados. CONCLUSÕES: Os eventos adversos sérios mais esperados após a realização de pleurodese com PVP-I tópico são dor, hipertensão e alguns distúrbios metabólicos. A pleurodese com PVP-I tópico mostrou ser um procedimento eficaz, mas não ofereceu melhora na qualidade de vida dos pacientes. Não se observou relação de dose-dependência na ocorrência dos eventos adversos e na eficácia do procedimento
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.01.2015
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ANDRADE NETO, José Dias; TERRA, Ricardo Mingarini. Perfil de segurança do uso de polivinilpirrolidona-iodo tópico como agente de pleurodese no tratamento do derrame pleural neoplásico. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5156/tde-01042015-120435/ >.
    • APA

      Andrade Neto, J. D., & Terra, R. M. (2015). Perfil de segurança do uso de polivinilpirrolidona-iodo tópico como agente de pleurodese no tratamento do derrame pleural neoplásico. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5156/tde-01042015-120435/
    • NLM

      Andrade Neto JD, Terra RM. Perfil de segurança do uso de polivinilpirrolidona-iodo tópico como agente de pleurodese no tratamento do derrame pleural neoplásico [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5156/tde-01042015-120435/
    • Vancouver

      Andrade Neto JD, Terra RM. Perfil de segurança do uso de polivinilpirrolidona-iodo tópico como agente de pleurodese no tratamento do derrame pleural neoplásico [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5156/tde-01042015-120435/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2022