Exportar registro bibliográfico

Bevacizumabe e Acetato de Triancinolona intravítreo associados à laserterapia em pacientes com edema macular diabético (IBETA). (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: KATAYAMA, BIANKA YUKARI NAKASE YAMASATO - FMRP
  • Unidades: FMRP
  • Sigla do Departamento: ROO
  • Subjects: DOENÇAS RETINIANAS; DIABETES MELLITUS; LASER NÃO CIRÚRGICO
  • Language: Português
  • Abstract: Objetivo: Comparar os efeitos da fotocoagulação de retina a laser focal associados ou não à injeção intravítrea de 1,5 mg de bevacizumabe (IVB) ou 4,0 mg de acetato de triancinolona (IVTA) no tratamento do edema macular diabético (EMD). Casuística e Métodos: 58 olhos de 44 pacientes com EMD foram randomizados para um entre três grupos: laser macular (Laser, n=23), laser associado ao bevacizumabe (IVB, n=19) ou laser associado à triancinolona (IVTA, n=16). Os parâmetros avaliados foram: melhor acuidade visual corrigida (MAVC), pressão intraocular (PIO) e espessura macular central (EMC), que foram mensurados na avaliação inicial e depois mensalmente durante 12 meses. Resultados: Na avaliação inicial, a média ± EPM do EMC (um) foi 425 ± 25, 423 ± 29, e 383 ± 18 nos grupos IVB, IVTA e Laser, respectivamente. Observou-se redução estatisticamente significativa na EMC em todos os períodos do estudo nos grupos IVB e IVTA e nas semanas 16, 20, 28, 32, 40, 44, 48 e 52 no grupo Laser (p<0,05). Houve redução significativa da EMC nos grupos IVB e IVTA quando comparados ao grupo Laser nas semanas 4 e 24 (p<0,05). A média ± EPM da MAVC na avaliação inicial foi: 0,61 ± 0,06; 0,68 ± 0,07 e 0,67 ± 0,05 nos grupos IVB, IVTA e Laser, respectivamente. Foi observada melhora estatisticamente significativa na MAVC, apenas no grupo IVTA, nas semanas 4, 16, 20, 24, 28, 32, 36 e 40 (p<0,05). A análise intergrupos não mostrou diferenças na MAVC durante o período do estudo. Não houve aumento significativo na PIO nos três grupos. Conclusões: Todas as estratégias de tratamento estudadas proporcionaram redução significativa na EMC, após um ano de tratamento, quando comparado à avaliação inicial. A associação laser e triancinolona foi a única relacionada à melhora estatisticamente significativa na acuidade visual. Não houve diferença estatisticamente significativa entre os grupos com relaçãoà acuidade visual durante o período do estudo
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 14.07.2014

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      KATAYAMA, Bianka Yukari Nakase Yamasato; JORGE, Rodrigo. Bevacizumabe e Acetato de Triancinolona intravítreo associados à laserterapia em pacientes com edema macular diabético (IBETA).. 2014.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2014.
    • APA

      Katayama, B. Y. N. Y., & Jorge, R. (2014). Bevacizumabe e Acetato de Triancinolona intravítreo associados à laserterapia em pacientes com edema macular diabético (IBETA). Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Katayama BYNY, Jorge R. Bevacizumabe e Acetato de Triancinolona intravítreo associados à laserterapia em pacientes com edema macular diabético (IBETA). 2014 ;
    • Vancouver

      Katayama BYNY, Jorge R. Bevacizumabe e Acetato de Triancinolona intravítreo associados à laserterapia em pacientes com edema macular diabético (IBETA). 2014 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020