Exportar registro bibliográfico

Caracterização de duas proteínas de Leptospira interrogans na patogênese da leptospirose (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: DOMINGOS, RENAN FRANCISCO - BIOTECNOLOGIA
  • Unidades: BIOTECNOLOGIA
  • Subjects: CAMUNDONGOS; PATOGENIA ANIMAL; LEPTOSPIROSE; PROTEINAS RECOMBINANTES; VIRULÊNCIA
  • Keywords: Leptospira; Leptospira; Leptospirose; Leptospirosis; Pathogenesis; Patogênese; Proteínas recombinantes; Recombinant proteins
  • Language: Português
  • Abstract: O sequenciamento da L. interrogans sorovar Copenhageni e as análises bioinformáticas permitiram a identificação de candidatos vacinais e fatores de virulência. Foram selecionados dois genes, LIC11834 e LIC12253, que foram submetidos a ensaios de presença do DNA genômico e RNA mensageiro em diferentes sorovares de Leptospira. Observamos que o gene LIC12253 foi o mais presente entre os sorovares testados. Os genes foram clonados em vetor de expressão pAE e expressos em E. coli BL21 SI. As proteínas recombinantes foram purificadas e submetidas a ensaio de dicroísmo circular, o qual confirmou que ambas as proteínas estavam estruturadas. Por meio de testes de imunogenicidade em camundongos, ambas as proteínas mostraram-se imunogênicas, apresentando altos títulos de anticorpos, porém não foram capazes de promover resposta imune celular. Em ensaios de localização das proteínas nativas podemos observar a presença destas proteínas na membrana externa de Leptospira. Ensaios de reatividade com soros de pacientes diagnosticados com leptospirose mostraram que há reconhecimento das proteínas por anticorpos presentes nesses soros, sugerindo que as proteínas são expressas durante a infecção. Em ensaios de adesão a componentes de matriz extracelular e componentes do soro e plasma humano, rLIC11834 apresentou ligação à laminina, sendo nomeada de Lsa33, além de ligação ao plasminogênio, ao C4bp e ao fibrinogênio de forma dose-dependente; rLIC12253 apresentou ligação à laminina, sendo chamadade Lsa25, e ao C4bp de forma dose-dependente. Ensaios de desafio demonstraram que as proteínas não apresentam proteção contra infecção letal em hamsters. Assim, acreditamos que estas proteínas multifuncionais possam interagir com proteínas do hospedeiro e ter participação na patogênese da doença
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.08.2014
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      DOMINGOS, Renan Francisco; NASCIMENTO, Ana Lucia Tabet Oller do. Caracterização de duas proteínas de Leptospira interrogans na patogênese da leptospirose. 2014.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/87/87131/tde-09122014-122906/ >.
    • APA

      Domingos, R. F., & Nascimento, A. L. T. O. do. (2014). Caracterização de duas proteínas de Leptospira interrogans na patogênese da leptospirose. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/87/87131/tde-09122014-122906/
    • NLM

      Domingos RF, Nascimento ALTO do. Caracterização de duas proteínas de Leptospira interrogans na patogênese da leptospirose [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/87/87131/tde-09122014-122906/
    • Vancouver

      Domingos RF, Nascimento ALTO do. Caracterização de duas proteínas de Leptospira interrogans na patogênese da leptospirose [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/87/87131/tde-09122014-122906/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020