Exportar registro bibliográfico

Tratamento da degeneração testicular em carneiros com suplementação de vitamina A ou laserterapia de baixa intensidade (2014)

  • Authors:
  • Autor USP: ALVES, MAíRA BIANCHI RODRIGUES - FMVZ
  • Unidade: FMVZ
  • Sigla do Departamento: VRA
  • Subjects: DISTÚRBIOS DE REPRODUÇÃO NO MACHO ANIMAL; DOENÇAS DO SISTEMA UROGENITAL EM ANIMAL (TRATAMENTO); OVINOS (REPRODUÇÃO); TÉCNICAS DE DIAGNÓSTICO ANIMAL
  • Keywords: Fluorescent probes; Insulação escrotal; Ovine; Ovinos; Scrotal insulation; Sondas fluorescentes; Termografia; Testes; Testículos; Thermography
  • Language: Português
  • Abstract: A degeneração testicular (DT) possui grande relevância dentre os distúrbios da reprodução e pode ser causada pelo aumento da temperatura testicular. Este provoca aumento do metabolismo celular, levando ao estresse oxidativo (EO) e apoptose. O tratamento usual consiste na retirada do agente causador e administração de antioxidantes; entretanto, pode não ser eficiente. Dessa forma, o presente estudo preconizou o tratamento da DT por meio de agentes com poder proliferativo: vitamina A e laserterapia de baixa intensidade (LTBI). Foram realizados três experimentos; o experimento 1 objetivou definir a dose de energia da LTBI necessária para a bioestimulação testicular. Foram utilizados seis carneiros distribuídos em três grupos: GC) insulação escrotal (IE) e sem tratamento (n=2); G28) IE e tratado com LTBI com 808 nm de comprimento de onda, 30 mW de potência e 28 J/cm² de densidade de energia por 15 dias a cada 48 horas (n=2); G56) IE e tratado com LTBI com 808 nm, 30 mW e 56 J/cm² por 15 dias a cada 48 horas (n=2). Foram feitas análises clínicas, reprodutivas e histopatológicas. Os dados foram submetidos à análise de variância (ANOVA) e teste de Tukey. Apesar da LTBI diminuir as taxas de espermatozoides com membrana acrossomal íntegra, esta foi eficiente em aumentar a população celular dos túbulos seminíferos no G28. Portanto, a LBTI provocou efeito bioestimulatório em testículos degenerados de carneiros. O experimento 2 objetivou validar a técnica de avaliação do EO espermáticopor meio da sonda fluorescente CellROX Deep Red®. Foram realizados dois experimentos; o primeiro utilizou ejaculados de três carneiros tratados em T0 (ejaculado não submetido à indução de EO), T50 (50% não induzido e 50% induzido ao EO) e T100 (submetido ao EO). Os dados foram submetidos à regressão linear. No segundo experimento foram utilizados 16 carneiros submetidos à IE. Foram feitas avaliações do EO antes e após a IE. Os dados foram submetidos à ANOVA e teste LSD de Fisher. O coeficiente de determinação foi de 0,728 e houve aumento do EO após a IE. Assim, a sonda CellROX® foi capaz de detectar o EO espermático. No experimento 3 foi proposto tratamento para a DT baseado na suplementação vitamínica ou LTBI. Foram utilizados 33 carneiros distribuídos em seis grupos: CC) sem IE e sem tratamento (n=5); CA) sem IE e tratado com vitamina A IM 120.000 UI/animal, duas vezes por semana durante três semanas (n=6); CL) sem IE e tratado com LTBI protocolo G28 (experimento 1) (n=5); IC) IE e sem tratamento (n = 5); IA) IE e tratado com vitamina A IM 120.000 UI/animal, duas vezes por semana durante três semanas (n=6); IL) IE e tratado com LTBI protocolo G28 (n=6). Foram realizadas análises clínicas, reprodutivas, hormonais e histopatológicas. Os dados foram analisados usando o procedimento de modelos mistos e os efeitos dos tratamentos foram avaliados utilizando contrastes ortogonais. Não houve efeito benéfico dos tratamentos para as características ultrassonográficas, qualidadeespermática, concentração de testosterona e aspectos histopatológicos. Assim, os tratamentos não foram eficientes para melhorar a qualidade espermática nem promover a proliferação celular
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.05.2014
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ALVES, Maíra Bianchi Rodrigues; ANDRADE, André Furugen Cesar de; CELEGHINI, Eneiva Carla Carvalho. Tratamento da degeneração testicular em carneiros com suplementação de vitamina A ou laserterapia de baixa intensidade. 2014.Universidade de São Paulo, Pirassununga, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10131/tde-18092014-112108/ >.
    • APA

      Alves, M. B. R., Andrade, A. F. C. de, & Celeghini, E. C. C. (2014). Tratamento da degeneração testicular em carneiros com suplementação de vitamina A ou laserterapia de baixa intensidade. Universidade de São Paulo, Pirassununga. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10131/tde-18092014-112108/
    • NLM

      Alves MBR, Andrade AFC de, Celeghini ECC. Tratamento da degeneração testicular em carneiros com suplementação de vitamina A ou laserterapia de baixa intensidade [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10131/tde-18092014-112108/
    • Vancouver

      Alves MBR, Andrade AFC de, Celeghini ECC. Tratamento da degeneração testicular em carneiros com suplementação de vitamina A ou laserterapia de baixa intensidade [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10131/tde-18092014-112108/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021