Exportar registro bibliográfico

Estudos ecofisiológicos de Sphaerospermopsis torques-reginae (Cyanobacteria): variações no crescimento, produção de pigmentos, lipídeos e peptídeos (2014)

  • Authors:
  • Autor USP: BRIGAGãO, LUIZ GUSTAVO GODOY - FCF
  • Unidade: FCF
  • Sigla do Departamento: FBC
  • Subjects: TOXICOLOGIA AMBIENTAL; ANÁLISE TOXICOLÓGICA; CYANOPHYTA; ALGAS
  • Language: Português
  • Abstract: As cianobactérias são organismos que vivem dispersos em ecossistemas aquáticos e fazem parte do fitoplâncton. Quando em ambientes eutrofizados por excesso de nutrientes, crescem de maneira acelerada nas chamadas florações (do inglês blooms), e além de poluírem fisicamente as reservas de água, são capazes de produzir potentes toxinas. Outros metabólitos produzidos pelas cianobactérias tem despertado interesse por seu potencial para aplicação farmacêutica e biotecnológica, que abrangem moléculas como proteínas, peptídeos e lipídeos. Os avanços de técnicas cromatográficas e de espectrometria de massas tem possibilitado estudos mais precisos e amplos de biomoléculas de interesse em organismos como cianobactérias. A espécie Sphaerospermopsis torques-reginae já foi registrada no Brasil, porém existem poucos estudos na literatura sobre metabólitos secundários produzidos por essa espécie, cuja produção de anatoxina-a(s) já foi registrada. A produção de anatoxina-a(s) é de difícil estudo, em razão da inexistência de padrão analítico para quantificá-la e das próprias características da molécula. Neste estudo foi avaliada a influência de fatores ambientais sobre o crescimento, formação de heterócitos e produção de pigmentos de uma linhagem de S. torques-reginae, isolada de um reservatório em Pernambuco, quando foi classificada como Anabaena spiroides e posteriormente reclassificada. Para isso foram utilizadas técnicas tradicionais de mensurações do crescimento e de extração dos compostos de interesse em cultivos com variações da fonte de nitrogênio e da intensidade luminosa. O perfil de ácidos graxos foi avaliado por técnica de GC-MS, avaliando a influência das variáveis luz e nitrogênio. Foram identificados ácidos graxos de interesse para a produção de biodiesel e também ácidos graxos essenciais como o 18:2ω6 e o 18:3ω3. Foi avaliado também o perfil de peptídeos por técnica de MALDI-TOF,focando em massas entre 2 e 20 kDa. Os resultados obtidos neste estudo contribuem para o aumento do conhecimento sobre as cianobactérias brasileiras e sobre a espécie S. torques-reginae, ainda pouco estudada, dando uma visão geral sobre a produção de metabólitos secundários
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 05.02.2014
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BRIGAGÃO, Luiz Gustavo Godoy; PINTO, Ernani. Estudos ecofisiológicos de Sphaerospermopsis torques-reginae (Cyanobacteria): variações no crescimento, produção de pigmentos, lipídeos e peptídeos. 2014.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9141/tde-03112014-082534/ >.
    • APA

      Brigagão, L. G. G., & Pinto, E. (2014). Estudos ecofisiológicos de Sphaerospermopsis torques-reginae (Cyanobacteria): variações no crescimento, produção de pigmentos, lipídeos e peptídeos. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9141/tde-03112014-082534/
    • NLM

      Brigagão LGG, Pinto E. Estudos ecofisiológicos de Sphaerospermopsis torques-reginae (Cyanobacteria): variações no crescimento, produção de pigmentos, lipídeos e peptídeos [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9141/tde-03112014-082534/
    • Vancouver

      Brigagão LGG, Pinto E. Estudos ecofisiológicos de Sphaerospermopsis torques-reginae (Cyanobacteria): variações no crescimento, produção de pigmentos, lipídeos e peptídeos [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9141/tde-03112014-082534/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020