Exportar registro bibliográfico

Efeitos da triacsin C e da clusianona no metabolismo energético de mitocôndrias e células hepáticas isoladas de rato (2014)

  • Authors:
  • Autor USP: REIS, FELIPPE HENRIQUE ZUCCOLOTTO DOS - FCFRP
  • Unidade: FCFRP
  • Sigla do Departamento: 602
  • Subjects: MITOCÔNDRIAS; HEPATOPATIAS; METABOLISMO ENERGÉTICO; RATOS
  • Keywords: clusianona; clusianone; hepatócito; hepatocyte; mitochondria; triacsin c; triacsin c
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução e objetivos: Tem sido demonstrado que um moderado desacoplamento mitocondrial em células hepáticas pode reverter a hipertrigliceridemia, a doença de fígado gorduroso e a resistência à insulina. A dissipação da energia conservada no espaço intermembranas mitocontrial, como ocorre no desacoplamento, aumenta o uso de substratos energéticos e também podem reduzir a geração mitocondrial de espécies reativas de O2 (EROs). Duas estratégias de desacoplamento mitocondrial foram estudadas neste trabalho: a primeira consistiu em reduzir a velocidade da via de síntese de triacilgliceróis por meio da triacsin C (inibidor da Acil CoA Sintetase - ACS), e dessa forma aumentar os ácidos graxos livres (AGL) como substratos das proteínas desacopladoras; a segunda foi verificar se clusianona (composto natural das raízes de Clusia congestiflora), análogo estrutural do desacoplador químico nemorosoma, é capaz de promover o desacoplamento químico. Resutados e discussão: A triacsin C, em concentrações até 1 ?M, não apresentou efeito tóxico em mitocôndrias isoladas de fígado e nem em hepatócitos primários. Nesses últimos, aumentou o consumo de oxigênio nos estados de respiração basal e de máxima velocidade respiratória. Além disso, foi verificado um aumento da expressão do fator de transcrição PGC1- alfa e de ?-hidroxiacil CoA desidrogenase (HAD), uma enzima da beta-oxidação de ácidos graxos. A clusianona aumentou o consumo de O2 no estado de repouso, diminuiu o potencial de membrana,reduziu a produção de EROs e preveniu o inchamento mitocondrial induzido por Ca2+ de forma dose dependente, porém menos potente que a nemorosona. Conclusões: Nossos resultados indicam que a triacsin C acelerou o metabolismo mitocondrial, a oxidação de ácidos graxos e a biogênese mitocondrial; a clusianona foi caracterizada como um desacoplador eficaz da fosforilação oxidativa mitocondrial, provavelmente envolvendo um mecanismo protonofórico devido as suas propriedades químicas. Dessa forma, ambas as estratégias estudadas se mostram com potencial terapêutico no tratamento de doenças como esteatose hepática, hipertrigliceridemia e obesidade
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 17.04.2014
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      REIS, Felippe Henrique Zuccolotto dos; ALBERICI, Luciane Carla. Efeitos da triacsin C e da clusianona no metabolismo energético de mitocôndrias e células hepáticas isoladas de rato. 2014.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60135/tde-12062014-110820/ >.
    • APA

      Reis, F. H. Z. dos, & Alberici, L. C. (2014). Efeitos da triacsin C e da clusianona no metabolismo energético de mitocôndrias e células hepáticas isoladas de rato. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60135/tde-12062014-110820/
    • NLM

      Reis FHZ dos, Alberici LC. Efeitos da triacsin C e da clusianona no metabolismo energético de mitocôndrias e células hepáticas isoladas de rato [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60135/tde-12062014-110820/
    • Vancouver

      Reis FHZ dos, Alberici LC. Efeitos da triacsin C e da clusianona no metabolismo energético de mitocôndrias e células hepáticas isoladas de rato [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60135/tde-12062014-110820/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020