Exportar registro bibliográfico

Avaliação do polimorfismo V433M do gene CYP4F2 como marcador da ocorrência de edema e elevação da pressão arterial pelo uso de anti-inflamatório não esteroidal (2014)

  • Authors:
  • Autor USP: OKINO, VALERIA TAKEUCHI - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RCM
  • Subjects: HIPERTENSÃO; ANTI-INFLAMATÓRIOS NÃO ESTEROIDES; ESTEROIDES (USO); POLIMORFISMO (AVALIAÇÃO)
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: O uso de anti-inflamatórios não esteroidais pode causar de edema e elevação da pressão arterial (PA), no entanto os mecanismos que levam a estes efeitos não são bem conhecidos. Objetivo: Avaliar se o polimorfismo V433M do gene CYP4F2 está associado ao desenvolvimento de retenção de sódio e ao aumento do volume corporal (TBW) em voluntários sadios após uso de diclofenaco sódico (DS), além de avaliar o comportamento da PA sistólica (PAS) e diastólica (PAD) e quantificar as variações urinários de 20- ácidos hidroxieicosatetraenóico (20-HETE), das frações de excreção de sódio (FENa) e lítio endógeno (FELi). Métodos: Vinte voluntário sadios foram genotipados para identificação dos alelos C e T da variante V433M do gene CYP4F2. Foram coletadas amostras de sangue e urina antes e após uso de placebo e DS(50 mg, VO, 12/12 h, 6d)para quantificação de creatinina, sódio, lítio e 20-HETE, além de monitorização ambulatorial da pressão arterial e quantificação da TBW pelos métodos de diluição de óxido de deutério e bioimpedância. Resultados: Não houve diferença estatística entre os genótipos em relação a água corporal total (TT vs CT+CC p=0,85; CC vs TT+CT p=0,70), pressão arterial sistólica (TT vs CT+CC p=0,55; CC vs CT+TT p=0,99), pressão arterial diastólica (TT vs CT+CC p=0,74; CC vs CT+TT p=0,70), FENa (TT vs CT+CC p=0,43; CC vs TT+CT p=0,28), FELi (TT vs CT+CC p=0,17; CC vs TT+CT p=0,28), 20-HETE urinário (p=0.84). Entretanto alguns voluntários apresentaram aumento da PA, não acompanhada de alterações na FENa ou TBW. Conclusão: O polimorfismo V433M do gene CYP4F2 não se apresentou como marcador da ocorrência de edema e elevação da PA pelo uso de DS, entretanto alguns voluntários apresentaram elevação da PA provavelmente por aumento da resistência vascular
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 09.05.2014

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      OKINO, Valéria Takeuchi; COELHO, Eduardo Barbosa. Avaliação do polimorfismo V433M do gene CYP4F2 como marcador da ocorrência de edema e elevação da pressão arterial pelo uso de anti-inflamatório não esteroidal. 2014.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2014.
    • APA

      Okino, V. T., & Coelho, E. B. (2014). Avaliação do polimorfismo V433M do gene CYP4F2 como marcador da ocorrência de edema e elevação da pressão arterial pelo uso de anti-inflamatório não esteroidal. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Okino VT, Coelho EB. Avaliação do polimorfismo V433M do gene CYP4F2 como marcador da ocorrência de edema e elevação da pressão arterial pelo uso de anti-inflamatório não esteroidal. 2014 ;
    • Vancouver

      Okino VT, Coelho EB. Avaliação do polimorfismo V433M do gene CYP4F2 como marcador da ocorrência de edema e elevação da pressão arterial pelo uso de anti-inflamatório não esteroidal. 2014 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021