Exportar registro bibliográfico

Entre laços e redes de sociabilidade: Sobre jovens, celulares e escola contemporânea (2014)

  • Authors:
  • Autor USP: SALATINO, ANDRÉ TORELI - FE
  • Unidade: FE
  • Subjects: TELEFONIA CELULAR; TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO; ADOLESCENTES; SOCIALIZAÇÃO; ESCOLARIZAÇÃO
  • Keywords: Escolarização; Juventude; Socialização; Socialization; Schooling; Youth; Communication technologies; Cellphones; Tecnologias da comunicação; Telefonia celular
  • Language: Português
  • Abstract: Este trabalho busca construir uma interpretação a respeito da forma pela qual os jovens das classes populares constroem sua experiência escolar em um contexto cotidiano marcado por grande disseminação de aparelhos tecnológicos. O material que dá base às reflexões foi coletado por meio de uma pesquisa etnográfica que envolveu trabalho de campo prolongado em uma escola da periferia da cidade de São Paulo, além de depoimentos de alunos de uma das turmas acompanhadas, obtidos em situação de grupo focal. Para fundamentar a pesquisa e delinear a tensão que caracteriza o processo de escolarização contemporâneo, buscou-se o suporte teórico de Bourdieu, Dubet, Tiramonti e Bauman. Tendo em vista compreender a invenção da cultura escolar contemporânea, foram levadas em conta as práticas juvenis fundadas na utilização do aparelho celular, em virtude da centralidade que esse equipamento adquiriu nas situações presenciadas em campo. No que tange à lei que proíbe o uso dos aparelhos celulares, considerou-se relevante efetuar um questionamento sobre os pressupostos de incorporação desses aparelhos tecnológicos na escola, a fim de garantir maior autonomia aos professores para as possibilidades de utilização desses aparelhos e evitar o equívoco das usuais prescrições para a postura docente. As análises permitiram constatar que no cotidiano das salas de aula e de outros espaços escolares o celular aparece com múltiplos significados, ainda que muitos docentes e a própria instituição adotem comofiltro principal a categoria da indisciplina. Observou-se que os jovens das classes populares se socializam, principalmente, de forma paralela à escola, pois, mesmo adotando certas condutas ritualísticas, como a cópia, eles criam e promovem práticas de distração e diversão com os celulares. Com isso, participam ativamente da reprodução sociocultural deixando de construir uma relação produtiva com os diversos saberes escolares. O envio constante de SMS, assim como as práticas de empréstimo que promovem a circulação de celulares entre os alunos, denota a centralidade que as práticas comunicacionais adquirem entre aqueles jovens indicando que tais dinâmicas constituem um reforço de suas redes de sociabilidade, compostas tanto por laços fracos como fortes, presenciais e virtuais. Constatou-se também que as práticas juvenis aparecem sob uma forma contraditória, não só obedecendo aos mandatos de caráter geral - distração, segregação (Schilling) - mas negando os imperativos de governo de nossa sociedade. São ações simbólicas relacionadas ao contexto social mais amplo, integradas à teia de relações que conformam a cultura brasileira marcada pela ausência de uma clara separação entre as esferas pública e privada. Isso tem favorecido uma condescendência cada vez maior com a generalização de práticas sonoras em público por meio do uso de aparelhos diversos, incluindo os celulares. Tais práticas tem chegado à escola levando os alunos a manifestar, também naquele espaço público,comportamentos que seriam específicos da vida privada. Enredados nessa rede intensa de relações, os comportamentos e aparições dos jovens nos espaços públicos e virtuais se mostram como parte integrante de sua sociabilidade, por meio da qual eles narram uma identidade efêmera, essencialmente construída na contemporaneidade em sua relação com os aparelhos tecnológicos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.04.2014
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SALATINO, André Toreli; BUENO, Belmira Oliveira. Entre laços e redes de sociabilidade: Sobre jovens, celulares e escola contemporânea. 2014.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2014. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-14102014-142726/ >.
    • APA

      Salatino, A. T., & Bueno, B. O. (2014). Entre laços e redes de sociabilidade: Sobre jovens, celulares e escola contemporânea. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-14102014-142726/
    • NLM

      Salatino AT, Bueno BO. Entre laços e redes de sociabilidade: Sobre jovens, celulares e escola contemporânea [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-14102014-142726/
    • Vancouver

      Salatino AT, Bueno BO. Entre laços e redes de sociabilidade: Sobre jovens, celulares e escola contemporânea [Internet]. 2014 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-14102014-142726/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020