Exportar registro bibliográfico

Correlação entre achados clínicos e histopatológicos com aqueles da imunofluorescência direta no diagnóstico de lúpus eritematoso discoide canino (2013)

  • Authors:
  • Autor USP: ODAGUIRI, JULIANA - FMVZ
  • Unidade: FMVZ
  • Sigla do Departamento: VCM
  • Subjects: CÃES (PATOLOGIA); HISTOPATOLOGIA ANIMAL; IMUNOFLUORESCÊNCIA EM ANIMAL; LÚPUS ERITEMATOSO DISCOIDE
  • Keywords: Cães; Colagenose; Collagenase; DLE; Dogs; Immunopathology; Imunopatologia; LED
  • Language: Português
  • Abstract: O lúpus eritematoso discoide (LED) é a variante mais comum do Complexo Lúpus Eritematoso, sendo considerado uma das dermatopatias imunemediadas mais evidenciadas em cães, ficando muito próximo à casuística do pênfigo foliáceo. É afecção, relativamente, benigna sem envolvimento sistêmico e, clinicamente, caracterizada por leucodermia e/ou eritema associado à perda do aspecto em "calçamento de pedras" do plano nasal e, imunologicamente, pela deposição de autoanticorpos (IgA, C3, IgM e IgG) na zona da membrana basal (ZMB). O presente estudo visa correlacionar os achados clínicos e histopatológicos com aqueles da imunofluorescência direta (IFD), objetivando aumentar a acurácia do diagnóstico do LED. Foram incluídos 11 cães (Grupo I) com o quadro lesional tegumentar característico do LED e, cinco caninos (Grupo II), dermatologicamente hígidos, para o controle negativo da IFD. Fragmentos cutâneos oriundos do plano nasal foram submetidos ao exame histopatológico e à reação da IFD e, os resultados obtidos em ambos os Grupos, I e II, foram analisados estatisticamente pelo Índice kappa (k) visando a determinação do grau de concordância ou confiabilidade entre os dois métodos diagnósticos. No Grupo I, o diagnóstico de LED foi firmado em 100% (11/11) dos animais, pela reação de IFD, enquanto que o exame histopatológico estabeleceu o diagnóstico em 81,8% (9/11) dos casos. A positividade da IFD para o LED canino foi estabelecida, em sua totalidade, a partir da fluorescência esverdeadaevidenciada na ZMB e/ou em seus anexos cutâneos e, os imunoreagentes mais frequentemente encontrados foram a IgM e C3. Já, em relação ao Grupo II, na totalidade dos animais não se evidenciou histopatologicamente qualquer alteração tegumentar.Também, pela IFD os resultados mostraram-se negativos. O substancial grau de concordância entre a IFD e a histopatologia (k= 0,738 e p= 0,002) comprova que a reação de imunofluorescência direta é exequível e útil no estabelecimento do diagnóstico do LED canino
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 10.12.2013
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ODAGUIRI, Juliana; LARSSON, Carlos Eduardo. Correlação entre achados clínicos e histopatológicos com aqueles da imunofluorescência direta no diagnóstico de lúpus eritematoso discoide canino. 2013.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2013. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10136/tde-19082014-110928/ >.
    • APA

      Odaguiri, J., & Larsson, C. E. (2013). Correlação entre achados clínicos e histopatológicos com aqueles da imunofluorescência direta no diagnóstico de lúpus eritematoso discoide canino. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10136/tde-19082014-110928/
    • NLM

      Odaguiri J, Larsson CE. Correlação entre achados clínicos e histopatológicos com aqueles da imunofluorescência direta no diagnóstico de lúpus eritematoso discoide canino [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10136/tde-19082014-110928/
    • Vancouver

      Odaguiri J, Larsson CE. Correlação entre achados clínicos e histopatológicos com aqueles da imunofluorescência direta no diagnóstico de lúpus eritematoso discoide canino [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10136/tde-19082014-110928/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021