Exportar registro bibliográfico

Avaliação dos efeitos do estresse por calor sobre a atividade de linfócitos e a resposta vacinal ao paramixovírus (Doença de Newcastle) em frangos de corte (2013)

  • Authors:
  • Autor USP: HONDA, BRUNO TAKASHI BUENO - FMVZ
  • Unidade: FMVZ
  • Sigla do Departamento: VPT
  • Subjects: DOENÇAS; FRANGOS DE CORTE; IMUNOFENOTIPAGEM (VETERINÁRIA); IMUNOLOGIA CELULAR (VETERINÁRIA); SAÚDE ANIMAL
  • Keywords: Corticosterona; Corticosterone; Doença de Newcastle; Estresse por calor; Heat Stress; Linfócitos; Lymphocytes; Newcastle Disease
  • Language: Português
  • Abstract: Uma série de fatores como ambiente, nutrição e doenças podem ser consideradas como estressores em sistemas de produção. Frangos de corte expostos a estressores por períodos prolongados de tempo apresentam de forma geral, redução do ganho de peso e consumo de ração, aumento da conversão alimentar, aumento da média de mortalidade e predisposição a doenças. A vacinação é uma prática essencial para um adequado manejo da produção e o desenvolvimento da imunidade do frango de corte frente a desafios bacterianos e virais presentes no ambiente. O entendimento dos fatores que podem interferir com o sucesso da vacinação é essencial para a otimização da saúde e do bem-estar animal, permitindo a utilização de todo o seu potencial genético e nutricional. Poucos estudos têm enfatizado o efeito do estresse por calor na imunidade celular e humoral de frangos de corte. Este trabalho tem como objetivo estudar o efeito do estresse por calor sobre a imunidade celular (linfócitos B e T), humoral sérica (IgM e IgY) e o peso relativo de órgãos (baço, bursa e fígado) de frangos de corte submetidos a um protocolo de vacinação para a Doença de Newcastle (cepa LaSota). Para tanto, 96 frangos de corte Cobb machos foram aleatoriamente divididos em quarto grupos: grupo 1. Frangos de corte não vacinados expostos à temperatura termoneutra; grupo 2. Frangos de corte vacinados expostos à temperatura termoneutra; grupo 3. Frangos de corte não vacinados expostos ao protocolo de estresse térmico por calor(38±2°C); e grupo 4. Frangos de corte vacinados expostos ao protocolo de estresse térmico por calor (38±2°C). Todas as aves foram alojadas em isoladores com água e ração ad libitum. Foi utilizada uma vacina com o vírus atenuado para Doença de Newcastle (cepa LaSota) administrada em duas doses, aos 7 e aos 14 dias de vida. Os frangos submetidos ao protocolo de estresse foram expostos a uma temperatura de (38±2°C) do segundo até o sexto dia de vida. Os dados obtidos demonstraram que o estresse por calor de forma isolada reduziu o peso relativo do fígado e aumenta aquela do baço e da bursa e induziu uma alteração significativa do perfil de células imunes no sangue periférico das aves, como consequência, observou-se alteração no padrão de imunoglobulinas, o que influenciou diretamente a resposta da ave frente ao desafio ambiental (quando o estresse foi avaliado isoladamente) ou vacinal (quando o estresse foi avaliado juntamente ao desafio vacinal com o vírus da Doença de Newcastle). Dessa forma, sugerimos que o estresse por calor diminuiu a eficácia da resposta vacinal aos frangos de corte, em função de mudanças que induziu no perfil de linfócitos e produção de imunoglobulinas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 05.08.2013
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      HONDA, Bruno Takashi Bueno; PALERMO NETO, João. Avaliação dos efeitos do estresse por calor sobre a atividade de linfócitos e a resposta vacinal ao paramixovírus (Doença de Newcastle) em frangos de corte. 2013.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2013. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10133/tde-19112013-151532/ >.
    • APA

      Honda, B. T. B., & Palermo Neto, J. (2013). Avaliação dos efeitos do estresse por calor sobre a atividade de linfócitos e a resposta vacinal ao paramixovírus (Doença de Newcastle) em frangos de corte. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10133/tde-19112013-151532/
    • NLM

      Honda BTB, Palermo Neto J. Avaliação dos efeitos do estresse por calor sobre a atividade de linfócitos e a resposta vacinal ao paramixovírus (Doença de Newcastle) em frangos de corte [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10133/tde-19112013-151532/
    • Vancouver

      Honda BTB, Palermo Neto J. Avaliação dos efeitos do estresse por calor sobre a atividade de linfócitos e a resposta vacinal ao paramixovírus (Doença de Newcastle) em frangos de corte [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10133/tde-19112013-151532/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021