Exportar registro bibliográfico

Validação do EuroSCORE em valvopatas submetidos à cirurgia cardíaca (2013)

  • Authors:
  • Autor USP: MORAES, RICARDO CASALINO SANCHES DE - FM
  • Unidade: FM
  • Sigla do Departamento: MCP
  • Subjects: DOENÇAS CARDIOVASCULARES; FATORES DE RISCO; DOENÇAS DAS VALVAS CARDÍACAS; DOENÇAS REUMÁTICAS
  • Keywords: Doenças das valvas cardíacas; Doenças reumáticas; EuroSCORE; EuroSCORE; EuroSCORE II; EuroSCORE II; Fatores de risco; Heart valve diseases; Rheumatic disease; Risk factors
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: A estratificação de risco pré-operatória é elemento essencial para a decisão cirúrgica, assim foram desenvolvidos alguns sistemas de pontuações para predizer mortalidade após cirurgia cardíaca em adultos. O EuroSCORE (ES) é um dos mais difundidos mundialmente sendo considerado um bom preditor de mortalidade em pacientes que foram submetidos à cirurgia cardíaca e foi considerado um sistema de pontuação de fácil uso e boa aplicabilidade. Racional: O ES já é usado assistencialmente em nossa instituição, entretanto, não foi realizada uma validação local em uma coorte específica de portadores de valvopatias. Sabemos das importantes diferenças epidemiológicas entre nossa população e pacientes citados na literatura mundial. Objetivos: O objetivo desse estudo é validar o ES como ferramenta preditora de mortalidade após cirurgia valvar. Métodos: Foram incluídos no trabalho 540 pacientes portadores de Valvopatia, com indicação de substituição da função valvar. O período de inclusão foi de fevereiro a dezembro de 2009. Todos os pacientes tiveram o cálculo da mortalidade estimada, baseada no EuroSCORE no pré-operatório, foram seguidos até alta hospitalar ou 30 dias após cirurgia. A capacidade discriminativa do modelo foi calculada utilizando a área sobre a curva receiver operating Characteristic (ROC) e a para o cálculo calibração utilizou-se o teste de Hosmer-Lemeshow (H-L).Resultados: A média etária da população foi de 56 ± 12 anos, 50% do sexo feminino, com etiologia predominante de Doença reumática. As variáveis: endocardite infecciosa, hipertensão pulmonar e o histórico de cirurgia prévia foram mais prevalentes em nossa coorte quando comparada com o banco de dados original do ES. A mortalidade observada global foi de 16% (6% em cirurgias eletivas e 34% em cirurgia de emergência), já a mortalidade predita foi de 6.1%, 8.7% e 4.31% para ES aditivo, ES logístico e ESII, respectivamente. Na avaliação da capacidade discriminativa a área sobre a curva ROC (ASCR) foi considerada boa com valores de 0,81 ; 0,76 ; 0,76 respectivamente para ES II; ES aditivo e logístico. A calibração do modelo foi considerada ideal com P > 0,05 para os modelos de ES. Conclusão: Os modelos do ES foram validados como ferramentas preditoras de risco de mortalidade após cirurgia cardíaca valvar
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 13.09.2013
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MORAES, Ricardo Casalino Sanches de; TARASOUTCHI, Flavio. Validação do EuroSCORE em valvopatas submetidos à cirurgia cardíaca. 2013.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2013. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5131/tde-25112013-101041/ >.
    • APA

      Moraes, R. C. S. de, & Tarasoutchi, F. (2013). Validação do EuroSCORE em valvopatas submetidos à cirurgia cardíaca. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5131/tde-25112013-101041/
    • NLM

      Moraes RCS de, Tarasoutchi F. Validação do EuroSCORE em valvopatas submetidos à cirurgia cardíaca [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5131/tde-25112013-101041/
    • Vancouver

      Moraes RCS de, Tarasoutchi F. Validação do EuroSCORE em valvopatas submetidos à cirurgia cardíaca [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5131/tde-25112013-101041/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020