Exportar registro bibliográfico

Avaliação eco/genotoxicológica dos corantes têxteis Reactive Blue 4 e Reactive Blue 15 (2013)

  • Authors:
  • Autor USP: MEIRELES, GABRIELA - FCFRP
  • Unidade: FCFRP
  • Sigla do Departamento: S/D
  • Subjects: CORANTES; ECOTOXICOLOGIA; MUTAGÊNESE
  • Keywords: Ceriodaphnia dubia; Ceriodaphnia dubia; Corantes reativos; Daphnia similis; Daphnia similis; Ecotoxicological assays; Ensaios ecotoxicológicos; Hormesis; Hormesis; Mutagenicidade; Mutagenicity; Reactive dyes; Vibrio fischeri; Vibrio fischeri
  • Language: Português
  • Abstract: Os corantes são amplamente utilizados nas indústrias têxteis, farmacêuticas, alimentícias, cosméticas, fotográficas, entre outras. Contudo, essas substâncias podem ser tóxicas, mutagênicas e resistentes a muitos processos de degradação utilizados em estações de tratamento. Estima-se que cerca de 15% dos corantes utilizados no mundo sejam perdidos durante o processo de tingimento e lançados no ambiente, atingindo principalmente os corpos d\'água. No entanto, apesar da grande quantidade de corantes comerciais disponíveis e da alta quantidade lançada no ecossistema aquático, os estudos sobre a toxicidade dessas substâncias são escassos e pouco se conhece sobre seus efeitos mutagênicos e principalmente ecotoxicológicos. Dentro deste contexto, o objetivo do trabalho foi avaliar a ecotoxicidade, bem como a capacidade dos corantes têxteis Reactive Blue 4 (RB 4) e Reactive Blue 15 (RB 15) de lesar o material genético, empregando ensaios de toxicidade aguda com Daphnia similis e Vibrio fischeri, toxicidade crônica com Ceriodaphnia dubia, genotoxicidade (Teste do Cometa) com fibroblastos de derme humana e mutagenicidade com Salmonella typhimurium. Adicionalmente, avaliou-se a concentração de cobre em Ceriodaphnia dubia expostas ao corante Reactive Blue 15, que possui esse metal na sua estrutura química. O corante RB 4 foi moderadamente tóxico e o corante RB 15 foi relativamente não tóxico para Daphnia similis. Ambos corantes reduziram a luminescência de Vibrio fischeri em elevadas concentrações, sendo o corante RB 4 mais tóxico para a bactéria quando comparado ao corante RB 15. O corante RB 4 induziu efeito hormesis nos ensaios com C. dubia, ou seja, houve um estímulo na reprodução nas menores concentrações, seguido por um decréscimo em concentrações mais elevadas, ao passo que, o corante RB 15 reduziu a fecundidade de C. dubia. Não houve acúmulo decobre nos organismos expostos ao corante RB 15. Nenhum dos corantes foram genotóxicos para fibroblastos de derme humana e apenas o corante RB 4 induziu mutagenicidade, por substituição de pares de base. Os resultados obtidos mostram que os corantes podem causar efeitos adversos nos organismos mesmo em baixas concentrações e que o lançamento contínuo dessas substâncias nos corpos d\'água é preocupante
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.07.2013
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MEIRELES, Gabriela; OLIVEIRA, Danielle Palma de. Avaliação eco/genotoxicológica dos corantes têxteis Reactive Blue 4 e Reactive Blue 15. 2013.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2013. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60134/tde-30092013-150534/ >.
    • APA

      Meireles, G., & Oliveira, D. P. de. (2013). Avaliação eco/genotoxicológica dos corantes têxteis Reactive Blue 4 e Reactive Blue 15. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60134/tde-30092013-150534/
    • NLM

      Meireles G, Oliveira DP de. Avaliação eco/genotoxicológica dos corantes têxteis Reactive Blue 4 e Reactive Blue 15 [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60134/tde-30092013-150534/
    • Vancouver

      Meireles G, Oliveira DP de. Avaliação eco/genotoxicológica dos corantes têxteis Reactive Blue 4 e Reactive Blue 15 [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60134/tde-30092013-150534/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020