Exportar registro bibliográfico

Sintomas de DORT de acadêmicos de odontologia: uma contribuição para prevenção com ginástica laboral (2013)

  • Authors:
  • Autor USP: COELHO, THAISA RINO DE FREITAS - FOB
  • Unidade: FOB
  • Sigla do Departamento: BAO
  • Subjects: DOENÇAS OCUPACIONAIS; RISCOS OCUPACIONAIS; SAÚDE OCUPACIONAL
  • Language: Português
  • Abstract: A prática odontológica predispõe seus profissionais a desenvolverem doenças do sistema osteomuscular, levando a incapacitação se não forem adotados princípios de ergonomia. A prevenção é o meio mais importante para evitar o aparecimento de Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho (DORT), e quando empregada com eficiência, proporciona uma melhora geral nas algias e atividades da vida diária dos cirurgiões dentistas, melhorando assim a qualidade de vida destes. Essa pesquisa consistiu em investigar as possíveis lesões que acometem os graduandos do Curso de Odontologia da Faculdade de Odontologia de Bauru (FOBUSP) e suas relações com a atividade laboral, avaliando o impacto que essas possíveis lesões causam na qualidade de vida dos alunos, contribuindo para o entendimento das questões relacionadas ao trabalho do cirurgião dentista, por meio da elaboração de um manual de orientações para prevenção de DORT através de um programa de ginástica laboral. Realizou-se um estudo observacional transversal de caráter descritivo em uma amostra de conveniência com 183 alunos de graduação dos 1o, 2o, 3o e 4o anos do Curso de Odontologia da Faculdade de Odontologia de Bauru, FOB/USP. Foi utilizado o Questionário Nórdico de Sintomas Osteomusculares, que padroniza a mensuração dos relatos de sintomas Osteomusculares. Este questionário não indica o diagnóstico clínico, mas identifica os distúrbios osteomusculares no posto de trabalho. Foi também utilizado o Questionário de Qualidade de vida WHOQOL-BREF que avalia a qualidade de vida no trabalho. Tal questionário foi utilizado somente para correlacionar as regiões com dor, desconforto ou dormência do questionário Nórdico com as questões do questionário WHOQOL-BREF. Do total de 183 alunos de graduação 70,49% são do gênero feminino e 29,51% do gênero masculino. Foram calculadas as frequências absolutas e relativas paraas regiões acometidas, dados demográficos e atividades laborais exercidas, considerando também as possíveis associações entre as regiões afetadas com a faixa etária dos alunos. Foram realizadas também, a comparação entre os 4 grupos (1o, 2o, 3o e 4o anos) através do teste estatístico de Kruskal-Wallis, a comparação entre 2 grupos por meio do teste de Mann Whitney, uma checagem se o sintoma de DORT referido está relacionado com a atividade laboral que exerce. Também foi testado se a dor, desconforto ou dormência interferem naprática de esportes, lazer e atendimento na clínica de odontologia por meio do teste T. Na população estudada, verificou-se que as queixas de dor, desconforto ou dormência se concentraram com maior percentual na região cervical com 76,50%, seguida pela região lombar com 73,22%, afetando também outras regiões. Estapesquisa também demonstrou uma significância estatística nos casos de dor, desconforto e dormência para a região de pescoço e cervical (p= 0,028), ombros (p= 0,004), punhos, mãos e dedos (p= 0,0028) que parecem aumentar com relação ao aumento dos anos de graduação. Apesar dos outros casos não apresentarem significância estatística há uma tendência de piora para dor, desconforto e dormência. Conclui-se neste estudo que a frequência dos relatos de sintomas dos Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho (DORT) já estão presentes nos alunos de graduação e parece aumentar conforme o ano de graduação é mais avançado.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 27.05.2013

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      COELHO, Thaisa Rino de Freitas; BASTOS, José Roberto de Magalhães. Sintomas de DORT de acadêmicos de odontologia: uma contribuição para prevenção com ginástica laboral. 2013.Universidade de São Paulo, Bauru, 2013.
    • APA

      Coelho, T. R. de F., & Bastos, J. R. de M. (2013). Sintomas de DORT de acadêmicos de odontologia: uma contribuição para prevenção com ginástica laboral. Universidade de São Paulo, Bauru.
    • NLM

      Coelho TR de F, Bastos JR de M. Sintomas de DORT de acadêmicos de odontologia: uma contribuição para prevenção com ginástica laboral. 2013 ;
    • Vancouver

      Coelho TR de F, Bastos JR de M. Sintomas de DORT de acadêmicos de odontologia: uma contribuição para prevenção com ginástica laboral. 2013 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021