Exportar registro bibliográfico

Análise jurídica da promoção da inovação tecnológica no setor brasileiro de tecnologias da informação e comunicação (2013)

  • Authors:
  • Autor USP: FOSS, MARIA CAROLINA - FD
  • Unidade: FD
  • Sigla do Departamento: DCO
  • Subjects: INOVAÇÕES TECNOLÓGICAS; PROPRIEDADE INTELECTUAL; DIREITO COMERCIAL; SOFTWARES; INDÚSTRIA DA INFORMAÇÃO
  • Language: Português
  • Abstract: A promoção da inovação tecnológica é um desafio para o aumento da competitividade da indústria brasileira. O setor de tecnologias da informação e comunicação (TICs) é um importante celeiro de novas tecnologias e suas criações intelectuais são passíveis de proteção pelas normas de propriedade industrial (e.g. patentes), direitos autorais (e.g. sofiwares e segredo de negócio ou industrial. No Brasil, o setor de TICs, anteriormente designado setor de informática, obteve tratamento prioritário nos programas governamentais de incentivo ao desenvolvimento tecnológico nacional. Contudo, as empresas brasileiras de TICs ainda não são consideradas inovadoras em comparação à concorrência estrangeira. A Lei n" 10.973/2004, também conhecida como Lei de Inovação, dispõe sobre instrumentos jurídicos para a articulação de interesses do setor privado e das Instituições Científicas e Tecnológicas (lCTs) que são órgãos e entidades da administração pública com a missão de executar atividades de pesquisas básica e aplicada, seja de caráter científico ou com a finalidade de desenvolvimento de novas tecnologias. A hipótese de pesquisa desta dissertação é de que os acordos celebrados entre as ICTs e o setor privado estão concentrados nos objetos da transferência de tecnologia ou no licenciamento de uso de criações desenvolvidas pela ICT, que limitados ao regime do direito público, não são eficazes para promoção da inovação tecnológica no setor de TICs. Esta dissertação propõe: (i) analisar o arcabouço normativo do Sistema Nacional da Inovação Tecnológica; Ui) analisar os programas governamentais de estímulo ao desenvolvimento tecnológico do setor de informática brasileiro; (iii) examinar o papel da proteção da propriedade intelectual do software na promoção da inovação tecnológica;(iv) investigar as deficiências na articulação dos interesses de ICT e setor privado, conforme os instrumentos jurídicos previstos na Lei de Inovação; e (v) sugerir proposições para contornar os problemas identificados. Utilizou-se uma metodologia segmentada no estudo normativo das leis aplicáveis ao Sistema Nacional da Inovação Tecnológica e à proteção da propriedade intelectual do software e na análise dos arranjos jurídicos enunciados na Lei de Inovação, a partir dos resultados da Pesquisa de Inovação Tecnológica do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (PINTEC 2008/IBGE) e das informações das ICTs, consolidadas pelo Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e pelos próprios Núcleos de Inovação Tecnológica (NITs) das ICTs selecionadas nesta pesquisa (sendo elas, USP, UNICAMP, UFMG e UFRJ) cujos dados disponíveis apresentaram semelhança entre si. Concluiu-se com a comprovação da hipótese de que os instrumentos jurídicos utilizados por lCT e empresários são ineficazes para promoção da inovação tecnológica no setor de TICs. Por fim, destacou-se o conhecimento como o desafio para promover o processo inovador no setor brasileiro de TICs. Dentro do propósito do aproveitamento do conhecimento acumulado nas ICTs, a ampliação do conceito de ICT para incorporar as instituições privadas, como previsto nos Projetos de Lei do "Código Nacional de Ciência Tecnologia e Inovação" n° 2.177/2011 e n° 619/2011 em tramitação no Congresso Nacional, assim como a participação de capital privado na reformulação da figura da sociedade de propósito específico, prevista no art. 5° da Lei de Inovação, são possíveis soluções para contornar os problemas identificados nesta dissertação
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 06.06.2013
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FOSS, Maria Carolina; SILVEIRA, Newton. Análise jurídica da promoção da inovação tecnológica no setor brasileiro de tecnologias da informação e comunicação. 2013.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2013. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/2/2132/tde-06122016-104951/pt-br.php >.
    • APA

      Foss, M. C., & Silveira, N. (2013). Análise jurídica da promoção da inovação tecnológica no setor brasileiro de tecnologias da informação e comunicação. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/2/2132/tde-06122016-104951/pt-br.php
    • NLM

      Foss MC, Silveira N. Análise jurídica da promoção da inovação tecnológica no setor brasileiro de tecnologias da informação e comunicação [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/2/2132/tde-06122016-104951/pt-br.php
    • Vancouver

      Foss MC, Silveira N. Análise jurídica da promoção da inovação tecnológica no setor brasileiro de tecnologias da informação e comunicação [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/2/2132/tde-06122016-104951/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021