Exportar registro bibliográfico

A escolarização de crianças negras paulistas (1920-1940) (2013)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: ARAúJO, MARCIA LUIZA PIRES DE - FE
  • Unidades: FE
  • Sigla do Departamento: EDM
  • Subjects: ESCOLA NOVA; DIREITO À EDUCAÇÃO; NEGROS; HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO; EDUCAÇÃO
  • Keywords: Biological and Social Law; década de 1920 a 1940; Direito social e biológico; Escola Nova; História da Educação; History of Education; Negros; Negros; New School; São Paul; São Paulo : decades 1920 1940
  • Language: Português
  • Abstract: Apontando a necessidade de problematizar os trabalhos que tendem a generalizar (e branquear) as relações escolares da escola paulista nas primeiras décadas do século XX, e partindo da hipótese que os negros, obstante às limitações, frequentaram os grupos escolares nesse período, a tese pretendeu discutir a escolarização de crianças negras na cidade de São Paulo. O período que compreende os anos de 1920-1940 marca as transformações das estruturas econômicas, sociais, políticas e ideológicas da cidade de São Paulo, e as discussões sobre a necessidade de democratizar a educação popular no sentido de alfabetizar as massas também se faziam presentes. Para realizar a análise utilizamos pesquisa bibliográfica e investigação documental. Com base nos jornais da imprensa negra paulista, que tratavam das aspirações por educação e instrução profissional, nas pesquisas etnológicas realizadas pelo Departamento de Cultura da Prefeitura Municipal de São Paulo na década de 1930, nos depoimentos de famílias negras da Coleção Memória da Escravidão em Famílias Negras de São Paulo (Universidade de São Paulo) e na documentação oficial depositada em arquivos públicos estadual e municipal, foi possível considerar a presença de crianças negras nos grupos escolares da capital. A partir dessas fontes construiu-se um perfil racial deste universo escolar, que revelou a inserção de crianças negras na ordem de, aproximadamente, 10%. A presença negra na escola paulista traz a compreensão de que os negrosobtiveram oportunidades de escolarização quando da implementação da Escola Nova, especialmente pela intenção dos reformadores paulistas em disciplinar os diferentes grupos étnico-raciais que perfaziam o universo escolar, para enfim, propagar os valores republicanos e reformar a vida social paulista rumo à modernidade anunciada
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 26.04.2013
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ARAÚJO, Marcia Luiza Pires de; MATE, Cecilia Hanna. A escolarização de crianças negras paulistas (1920-1940). 2013.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2013. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-27062013-124505/ >.
    • APA

      Araújo, M. L. P. de, & Mate, C. H. (2013). A escolarização de crianças negras paulistas (1920-1940). Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-27062013-124505/
    • NLM

      Araújo MLP de, Mate CH. A escolarização de crianças negras paulistas (1920-1940) [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-27062013-124505/
    • Vancouver

      Araújo MLP de, Mate CH. A escolarização de crianças negras paulistas (1920-1940) [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-27062013-124505/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020