Exportar registro bibliográfico

Modelo de intervenções educativas para o uso racional de medicamentos (2013)

  • Authors:
  • Autor USP: OLIVERA, CAROLINA MARIA XAUBET - FCFRP
  • Unidade: FCFRP
  • Sigla do Departamento: 602
  • Subjects: EDUCAÇÃO EM SAÚDE; USO DE MEDICAMENTOS (CONTROLE); ASMA
  • Language: Português
  • Abstract: O farmacêutico, uma vez inserido na equipe multidisciplinar, tem um papel importante a desempenhar na educação em saúde com o objetivo de melhorar o conhecimento sobre as condições crónicas, refletindo positivamente na adesão ao tratamento e em consequência nos resultados clínicos e na qualidade de vida dos indivíduos. O objetivo deste estudo foi elaborar, implementar e avaliar o modelo de intervenções educativas para o uso racional de medicamentos. O estudo clínico longitudinal, prospectivo, randomizado foi conduzido por uma equipe multidisciplinar com 119 pacientes asmáticos (60/grupo controle e 59/grupo intervenção) atendidos no Ambulatório Especializado em Asma do Hospital das Clinicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto. A elaboração do modelo foi composto de cinco módulos contendo informações básicas sobre a doença, adesão ao tratamento proposto, medicamentos, técnicas de uso de dispositivos e cuidados com os medicamentos, complementado com material impresso e visual. O modelo foi implementado por meio de reuniões de educação dirigidas por profissional farmacêutico e avaliado de acordo com as recomendações da Organização Mundial da Saúde. As intervenções educativas para o uso racional de medicamentos proporcionaram ao grupo intervenção o aumento de 21% no conhecimento sobre a doença e aprimoramento das técnicas de utilização dos dispositivos inalatórios com significância estatística intra e intergrupos (p<.0001). Os resultados também mostraram aumento do número de pacientes classificados como mais aderentes após a intervenção mensurada pelo Teste de Morisky Green com significância estatística (p. 0.0244) e pelo reabastecimento da receita com significância intragrupo (p = 0.0113). Em relação à função pulmonar, a diferença intergrupos de CVF (p=0.0287) e de 8% do valor de VEF1 (p. 0,0461) superem relevância clínica. Os resultados mostram aumento daspontuações com significância estatística intragrupo em todos os domínios do questionário de qualidade de vida com significância estatística. Após a finalização do estudo o modelo foi implementado para o grupo controle e a avaliação mostrou aumento do conhecimento em asma e melhoria da qualidade de vida. Este modelo foi eficaz e economicamente viável para ser implantado pelo SUS quando testado para pacientes com a condição clínica asma e poderá ser adaptado e reproduzido para outras condições crônicas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 09.05.2013
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      OLIVERA, Carolina Maria Xaubet; FREITA, Osvaldo de. Modelo de intervenções educativas para o uso racional de medicamentos. 2013.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2013. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60137/tde-28112013-152058/ >.
    • APA

      Olivera, C. M. X., & Freita, O. de. (2013). Modelo de intervenções educativas para o uso racional de medicamentos. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60137/tde-28112013-152058/
    • NLM

      Olivera CMX, Freita O de. Modelo de intervenções educativas para o uso racional de medicamentos [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60137/tde-28112013-152058/
    • Vancouver

      Olivera CMX, Freita O de. Modelo de intervenções educativas para o uso racional de medicamentos [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60137/tde-28112013-152058/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021