Exportar registro bibliográfico

Avaliação dos efeitos do Sistema Damon nas inclinações dentárias, dimensões dos arcos e suporte ósseo alveolar por meio da tomografia computadorizada de feixe cônico (2012)

  • Authors:
  • Autor USP: MORAIS, JULIANA FERNANDES DE - FOB
  • Unidade: FOB
  • Sigla do Departamento: BAO
  • Subjects: BRAQUETE ORTODÔNTICO; TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA DE EMISSÃO; PERIODONTIA; MAXILA (RADIOGRAFIA); MANDÍBULA (RADIOGRAFIA)
  • Language: Português
  • Abstract: Avaliação dos efeitos do Sistema Damon nas inclinações dentárias, dimensões dos arcos e suporte ósseo por meio da tomografia computadorizada de feixe cônico Este estudo objetivou analisar as alterações nas inclinações vestibulolinguais dos dentes, nas dimensões dos arcos e nas espessuras das tábuas ósseas vestibulares durante o alinhamento com Sistema Damon, como também identificar fatores pré-tratamento (espessura óssea inicial, larguras dos arcos, apinhamento) e alterações do tratamento (expansão dos arcos, vestibularização dos dentes) possivelmente associados. Vinte e dois adolescentes com dentadura permanente completa até primeiros molares, tratados sem extrações e apinhamento inicial mínimo de 4mm superior: -6,71mm (DP 2,99), inferior: -5,12mm (DP 2,03) foram escaneados por tomografia computadorizada de feixe cônico (TCFC) antes (T0) e após (T1) o alinhamento com o Sistema Damon. As dimensões dos arcos e as inclinações vestibulolinguais dos dentes foram avaliadas a partir das TCFC (T0 e T1) em modelos 3D e cortes multiplanares, enquanto o apinhamento foi mensurado nos modelos de estudo (T0). A spessura das tábuas ósseas vestibulares nos ¾ coronais e ¼ apical da raiz dentária foram mensuradas por meio de imagens de tomográficas parassagitais (0,3mm de espessura) das duas fases T0 e T1, nas áreas de incisivos centrais superiores e de segundos pré-molares e primeiros molares superiores e inferiores. As variáveis foram submetidas ao teste de de Shapiro-Wilk para testar sua distribuição. As alterações de todas as variáveis de T0 para T1 foram comparadas por meio dos testes t pareado ou de Wilcoxon. A correlação entre as alterações das espessuras ósseas com os possíveis fatores associados foi verificada pelo coeficiente de correlação de Pearson ou teste de correlação de Spearman. O alinhamento com o Sistema Damon produziu expansões dos arcos associados àproclinação dos dentes e à redução na espessura óssea vestibular. As tábuas ósseas vestibulares tornaram-se não mensuráveis com o alinhamento em 25% das raízes mesiovestibulares dos primeiros molares superiores. A redução nas espessuras ósseas vestibulares mensuráveis, recobrindo os ¾ coronais da raiz, foi significante nas áreas de incisivo central superior (-13,22%), raiz mesiovestibular do primeiro molar superior (-20,54%) e raízes mesial e distal do primeiro molar inferior (-15,58% e -11,38%, respectivamente). Houve tendência ao aumento da espessura óssea vestibular da raiz distovestibular do primeiro molar superior (p= 0,051), provavelmente devido à rotação do molar com o alinhamento. A redução na espessura óssea vestibular durante o alinhamento dentário mostrou correlação positiva com a espessura óssea e apinhamento iniciais no arco superior, bem como com a distância inter-segundos-prémolares pré-tratamento no arco inferior. Os arcos mais expandidos durante a fase de alinhamento tenderam a sofrer maior redução nas espessuras ósseas vestibulares. Conclui-se que o Sistema Damon produz expansões dos arcos associados à redução óssea vestibular durante a fase de alinhamento. Dentes com ossos mais finos e apinhamentos mais severos antes do tratamento apresentam maior risco para redução na tábua óssea vestibular e a quantidade de expansão durante o tratamento pode potencializar esse efeito.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.11.2012
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MORAIS, Juliana Fernandes de; FREITAS, Marcos Roberto de. Avaliação dos efeitos do Sistema Damon nas inclinações dentárias, dimensões dos arcos e suporte ósseo alveolar por meio da tomografia computadorizada de feixe cônico. 2012.Universidade de São Paulo, Bauru, 2012. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25144/tde-04062013-085619/publico/JulianaFernandesMorais_Rev.pdf >.
    • APA

      Morais, J. F. de, & Freitas, M. R. de. (2012). Avaliação dos efeitos do Sistema Damon nas inclinações dentárias, dimensões dos arcos e suporte ósseo alveolar por meio da tomografia computadorizada de feixe cônico. Universidade de São Paulo, Bauru. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25144/tde-04062013-085619/publico/JulianaFernandesMorais_Rev.pdf
    • NLM

      Morais JF de, Freitas MR de. Avaliação dos efeitos do Sistema Damon nas inclinações dentárias, dimensões dos arcos e suporte ósseo alveolar por meio da tomografia computadorizada de feixe cônico [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25144/tde-04062013-085619/publico/JulianaFernandesMorais_Rev.pdf
    • Vancouver

      Morais JF de, Freitas MR de. Avaliação dos efeitos do Sistema Damon nas inclinações dentárias, dimensões dos arcos e suporte ósseo alveolar por meio da tomografia computadorizada de feixe cônico [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25144/tde-04062013-085619/publico/JulianaFernandesMorais_Rev.pdf

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020