Exportar registro bibliográfico

Ritmos circadianos em Gracilaria birdiae (Rhodophyta): oscilação do desempenho fotossintético e caracterização enzimática da nitrato redutase (2012)

  • Authors:
  • Autor USP: LIMA JúNIOR, CíCERO ALVES - IQ
  • Unidade: IQ
  • Sigla do Departamento: QBQ
  • Subjects: BIOQUÍMICA; RHODOPHYTA; FOTOSSÍNTESE; MACROALGAS
  • Language: Português
  • Abstract: Os ritmos circadianos coordenam grande parte dos mecanismos fisiológicos, principalmente no metabolismo do nitrogênio, inclusive a assimilação do nitrato, que é a forma de nitrogênio mais incorporada pelos organismos fotossintéticos marinhos. Sua assimilação é feita pela enzima nitrato redutase (NR) que é regulada de forma sistêmica e em vários níveis: transcricional, pós-transcricional e pós-traducional. Tal modulação é exercida por diversos fatores como nitrato, luz, glutamato, quinases e por fatores de transcrição centrais do ritmo circadiano. A fotossíntese fornece os esqueletos de carbono e poder redutor para a incorporação do nitrogênio na síntese de glutamato. Gracilaria birdiae é uma macroalga endêmica do litoral brasileiro e ainda precisa de mais estudos em fisiologia, apesar da sua grande importância econômica. Este estudo desenvolveu um novo protocolo para o ensaio em larga escala da atividade enzimática da NR e analisou a oscilação do desempenho fotossintético ao longo do dia em G. birdiae. A alga, proveniente do Rio Grande do Norte, foi isolada a nível unialgal e apresentou uma taxa de crescimento relativo diário de 6,5% em laboratório. O novo protocolo descrito propõe as seguintes adaptações: amostragem de 20 mg de biomassa algal em vez de 100 mg, extrato bruto com 100 µL em vez de 1 mL, ensaio enzimático de 50 µL e parada da reação com sulfanilamida em vez de EtOH/´ZnSOIND.4´. Estas modificações permitem o ensaio enzimático da NR semi-purificada de 8 testes com réplicas experimentais e biológicas e controle negativo (96 ensaios no total) em 3 horas. A caracterização enzimática demonstrou os seguintes parâmetros ótimos para atividade máxima: tampão fosfato pH 8, temperatura 25°C, 60 minutos de incubação, 1,25 mMol de nitrato e 50 µMol de NADH. A atividade máxima de 5,4 ± 0,7 nMol.´minPOT.-1´.´mgPOT.-1´ de proteínas e o´KIND.M´ 6 ± 2,2 µMol.´LPOT.-1´ para NADH e de 109 ± 11 µMol.´LPOT.-1´ para o nitrato. A enzima não apresentou atividade na presença de NADPH e demonstrou atividade 48 vezes maior que no protocolo inicial. Descrevemos um método preciso e reprodutível para análise em larga escala da atividade da NR que pode ser utilizado em estudos comparativos de cinética enzimática da NR de diferentes espécies ou em estudos de ritmos biológicos. A análise do desempenho fotossintético, feita em coletas de 15 mg de alga, foi caracterizada pela fluorescência da clorofila, demonstrando os seguintes parâmetros máximos: taxa de transporte de elétrons relativa (rETR) de 15,29 µMol elétrons.´mPOT.-2´´SPOT.-1´, eficiência fotossintética (alfa) de 0,37 fótons/elétrons, irradiância de saturação (´IIND.K´) foi de 41,32 µE.´mPOT.-2´´sPOT.-1´ e houve fotoinibição a partir de 300 µE.´mPOT.-2´´sPOT.-1´. Apenas o parâmetro alfa apresentou oscilação significativa em claro constante e manteve o período de 24 horas, apesar de ter diminuído sua amplitude em 50%. Isso pode ser devido a um controle pelo mecanismo central dos ritmos circadianos sobre proteínas ou pigmentos ligados ao fotossistema II, influenciando na capacidade de transformação de fótons em elétrons. Paralelamente, a aclimatação da alga à luz constante pode ter levado a uma queda na produção de pigmentos e fotoxidação, justificando a queda nos valores médios de alfa.G. birdiae é uma alga com grande importância econômica e ecológica e este estudo, ligado a outros trabalhos de fisiologia, confirma seu grande potencial para estabelecimento como organismo modelo para estudos fisiologia e fotossíntese
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 03.12.2012
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      LIMA JÚNIOR, Cícero Alves; COLEPICOLO, Pio. Ritmos circadianos em Gracilaria birdiae (Rhodophyta): oscilação do desempenho fotossintético e caracterização enzimática da nitrato redutase. 2012.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/46/46131/tde-26042013-153410/ >.
    • APA

      Lima Júnior, C. A., & Colepicolo, P. (2012). Ritmos circadianos em Gracilaria birdiae (Rhodophyta): oscilação do desempenho fotossintético e caracterização enzimática da nitrato redutase. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/46/46131/tde-26042013-153410/
    • NLM

      Lima Júnior CA, Colepicolo P. Ritmos circadianos em Gracilaria birdiae (Rhodophyta): oscilação do desempenho fotossintético e caracterização enzimática da nitrato redutase [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/46/46131/tde-26042013-153410/
    • Vancouver

      Lima Júnior CA, Colepicolo P. Ritmos circadianos em Gracilaria birdiae (Rhodophyta): oscilação do desempenho fotossintético e caracterização enzimática da nitrato redutase [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/46/46131/tde-26042013-153410/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021