Exportar registro bibliográfico

Os demonstrativos no português do Brasil e no espanhol: discutindo a construção de referências nas duas línguas e os diferentes graus de (in)definição em algumas expressões com demonstrativos (2013)

  • Authors:
  • Autor USP: MOREIRA, GISELE SOUZA - FFLCH
  • Unidade: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLM
  • Subjects: LÍNGUA PORTUGUESA; LÍNGUA ESPANHOLA; GRAMÁTICA; PRONOME DEMONSTRATIVO
  • Keywords: Enunciação; Enunciation; Reference; Referência
  • Language: Português
  • Abstract: Este estudo trata dos demonstrativos no português do Brasil e em espanhol a partir de uma análise quantitativa e do estudo de casos extraídos de um corpus de língua oral formado por intervenções de ouvintes em programas de rádios do Brasil, da Argentina e da Espanha. O estudo tem um enfoque enunciativo, privilegiando uma visão da linguagem como representação que constitui, no próprio discurso, relações entre as pessoas e os objetos representados; os demonstrativos são focalizados na sua participação na construção dessa representação. Para as análises feitas, consideramos os demonstrativos como formas cujo sentido só pode ser construído na enunciação e cujas referências também só se constituem no universo do discurso. O corpus inicial está formado por mil ocorrências de demonstrativos, que foram gravadas e transcritas, divididas por séries e contabilizadas. Foi constatada a hipótese inicial de uma distribuição das três séries que difere da que se apresenta em diversos instrumentos normativos e descritivos em relação às três pessoas do discurso. Partindo dos resultados encontrados, fazemos uma análise de casos que ilustram o funcionamento dos demonstrativos nas duas línguas, e as conclusões às quais chegamos sobre o nosso corpus explicitam semelhanças e diferenças no emprego dos demonstrativos no português do Brasil e em espanhol. Observamos uma alternância de formas para referir-se a um mesmo referente e observamos também expressões que têm um efeito de maior indefinição dasquais os demonstrativos participam, o que nos levou a pensá-los como formas que talvez não se caracterizem somente por criar um efeito de definição da expressão nominal da qual participam, mas que têm funções que vão além da função referencial
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 25.02.2013
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MOREIRA, Gisele Souza; FANJUL, Adrian Pablo. Os demonstrativos no português do Brasil e no espanhol: discutindo a construção de referências nas duas línguas e os diferentes graus de (in)definição em algumas expressões com demonstrativos. 2013.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2013. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8145/tde-18042013-095708/ >.
    • APA

      Moreira, G. S., & Fanjul, A. P. (2013). Os demonstrativos no português do Brasil e no espanhol: discutindo a construção de referências nas duas línguas e os diferentes graus de (in)definição em algumas expressões com demonstrativos. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8145/tde-18042013-095708/
    • NLM

      Moreira GS, Fanjul AP. Os demonstrativos no português do Brasil e no espanhol: discutindo a construção de referências nas duas línguas e os diferentes graus de (in)definição em algumas expressões com demonstrativos [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8145/tde-18042013-095708/
    • Vancouver

      Moreira GS, Fanjul AP. Os demonstrativos no português do Brasil e no espanhol: discutindo a construção de referências nas duas línguas e os diferentes graus de (in)definição em algumas expressões com demonstrativos [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8145/tde-18042013-095708/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021