Exportar registro bibliográfico

Estudo computacional da difusão térmica em proteínas termoestáveis (2013)

  • Authors:
  • Autor USP: MUNIZ, HELOISA DOS SANTOS - IFSC
  • Unidade: IFSC
  • Sigla do Departamento: FCM
  • Subjects: PROTEÍNAS (ESTUDO); MOLÉCULA (ANÁLISE); CONDUTIVIDADE TÉRMICA
  • Keywords: Difusão de energia vibracional; Dinâmica molecular; Estabilidade térmica; Molecular dynamics; Thermal stability; Vibrational energy diffusion
  • Language: Português
  • Abstract: Mecanismos de difusão de energia vibracional em biomoléculas têm sido relacionadas a função, alosterismo e sinalização intramolecular. Neste trabalho nós utilizamos uma metodologia computacional para analisar o fluxo de energia em proteínas. Simulações de Dinâmica Molecular são utilizadas para o estudo de difusão térmica, provendo artifícios que não são possíveis experimentalmente: a proteína é esfriada a baixas temperaturas e apenas um resíduo é aquecido através do acoplamento de um banho térmico. Consequentemente, o calor flui do aminoácido aquecido para a proteína, revelando os caminhos da difusão da energia vibracional. Pelo fato de que proteínas termoestáveis possam ter particulares mecanismos de relaxação, distribuição e dissipação da energia vibracional, elas são sistemas interessantes para serem utilizadas por este método. Um padrão de difusão de calor de uma proteína termofílica pode ser identificado e comparado com outro de uma proteína homóloga mesofílica. Aqui estudamos um conjunto de proteínas em particular, as pertencentes à família 11 de Xilanases. O mapa de difusão térmica obtido da proteína no vácuo mostrou diferenças entre xilanases mesofílica e termofílica, e termofílica e hipertermofílica: qualquer que seja o resíduo aquecido, aminoácidos específicos respondem com alta temperatura. Esta resposta em alta energia de certas regiões é decorrente de processos de relaxação. Simulações adicionais e outras análises, como da mobilidade de cada resíduo, levam à hipótese que estas regiões de superfície possuem grande flexibilidade e uma importante interação estrutural com a água. Mapas de difusão térmica para duas proteínas homólogas, diferindo em apenas 7 mutações, sendo 6 delas no N-terminal, apresentam-se diferentes nesta região. Em especial, a mutação Ser35Glu se destaca tanto no mapa quanto em outras medidas realizadas, apresentando-se na proteína mais estávelcom um maior nível de mobilidade, solvatação e energia de interação. Simulações em água não resultaram em padrões de difusão diferentes, por não apresentarem processos de relaxação. Entretanto, elas evidenciaram as mesmas regiões frias para cinco xilanases da família 11, especialmente o núcleo e a região de ligação do substrato, sugerindo uma possível característica funcional de difusão de calor. Por fim, evidenciado pelos mapas, observou-se que a região do cordão de xilanases termoestáveis, em especial a hipertermoestável, é maior se comparado à proteína mesofílica. Desta forma, através de comparações entre mapas de difusão e estruturas de proteínas similares, esta metodologia pode sugerir novas abordagens em engenharia racional de proteínas com estabilidade modulada.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 19.02.2013
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MUNIZ, Heloisa dos Santos; MARTÍNEZ, Leandro. Estudo computacional da difusão térmica em proteínas termoestáveis. 2013.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2013. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/76/76132/tde-30042013-105247/ >.
    • APA

      Muniz, H. dos S., & Martínez, L. (2013). Estudo computacional da difusão térmica em proteínas termoestáveis. Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/76/76132/tde-30042013-105247/
    • NLM

      Muniz H dos S, Martínez L. Estudo computacional da difusão térmica em proteínas termoestáveis [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/76/76132/tde-30042013-105247/
    • Vancouver

      Muniz H dos S, Martínez L. Estudo computacional da difusão térmica em proteínas termoestáveis [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/76/76132/tde-30042013-105247/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020